Todo mundo sabe que é importante exercitar a musculatura não só pela estética como pela saúde, mas existem músculos esquecidos pelo corpo que também merecem atenção

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=ModeloiG%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237491664167&_c_=MiGComponente_C

É o caso da vagina . Quando exercitada, melhora (muito) a qualidade do sexo e ainda por cima evita o afrouxamento da região pélvica. Essa prática milenar indiana é conhecida como pompoarismo e tem sido cada vez mais procurada nos consultórios de ginecologia e cursos de sexualidade.

Pompoar consiste na habilidade de controlar a contração e o relaxamento da musculatura circunvaginal . Ao aprender a técnica, a mulher consegue controlar os três anéis da vagina separadamente, melhorando a qualidade do ato sexual apenas com o movimento de seus músculos.

Acredito que não tem nada melhor para um homem do que ter a certeza que satisfaz realmente sua mulher. Os exercícios ajudam com a auto-estima, e faz com que você se sinta mais bonita desde cabelos até o astral. Passei a ser uma outra mulher, diz Andréia Alves, que começou com o pompoarismo depois que sua irmã, a consultora de artes sensuais Stella Alves, a encorajou.

A partir dessa experiência, Andréia resolveu investir nessa área e hoje coordena eventos voltados para despedidas de solteiras . Sou casada há 12 anos e somente há oito aprendi a  lidar com o prazer. Cheguei a ter uma filha nos quatro primeiros anos de casamento, mas não era satisfeita, por isso resolvi fazer o curso. Depois que me tornei pompoarista, minha confiança aumentou e passei a procurar outros cursos como o de massagens, strip tease...

Acessórios
Para pompoar utiliza-se as ben-wa e um vibrador. Ben-wa são bolinhas um pouco menores do que as de pingue-pongue e ligadas por um fio, que ajudam a mulher nos exercícios.

Não é fácil utilizar os acessórios, mas existe uma seqüência que introduz às técnicas. A partir do momento em que a mulher iniciar os exercícios diários, ela e seu companheiro devem sentir a diferença em 20 dias, mas dominar toda a técnica somente após três meses, diz a consultora sexual Stella Alves.

Com o treinamento, o órgão genital tende a ficar com a musculatura cada vez mais rígida, o que faz com que ela sinta muito mais o pênis do homem. Assim, aumenta-se a sensibilidade da vagina e o prazer para ambos é inevitável.

Série de exercícios
Para a mulher iniciar os exercícios, o importante é que ela conheça como funciona o seu órgão genital.  Só então ela vai conseguir fazer as contrações. Para identificar melhor o que é uma contração ela deve imaginar que está urinando e alguém abre a porta (automaticamente ela vai interromper), isso é uma contração.

 - No primeiro exercício ela deve contrair e relaxar a musculatura da vagina. É possível fazer durante o dia. Acredite! Ninguém vai perceber;

- Depois, imagine uma escada, sendo o primeiro degrau na entrada da vagina, o segundo no meio e o terceiro bem perto do útero. Comece as contrações com pouca força, em seguida com força média e até chegar a uma contração mais forte.

Esses exercícios podem ser distribuídos no decorrer do dia e intercalando o primeiro e o segundo.



Para as mulheres que não têm como participar dos cursos por falta de tempo, distância e etc, é possível apreender sozinha.

Stella Alves elaborou um kit do pompoarismo composto de dois acessórios de treinamento e um manual de bolso com toda a técnica passo a passo esse kit pode ser adquirido através do site: www.pompoarismo.com.br

Leia mais sobre: pompoarismo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.