A tradicional burca muçulmana acaba de estrear nas passarelas da Noruega

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=ModeloiG%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237491664305&_c_=MiGComponente_C

A coleção foi totalmente inspirada na vestimenta tradicional que cobre da cabeça aos pés mulheres muçulmanas. Como a notícia sobre o assunto publicada pelo Último Segundo é divertida, o Delas conversou com algumas mulheres de outras editorias na redação do Portal iG para saber a opinião sobre a tendência da burca.

A atitude mais parece um retrocesso em pleno ano 2008, na exata semana que foi comemorado o Dia Internacional das Mulheres . Em meio a marchas e reivindicações em prol das conquistas femininas, alguém volta a pregar a burca como tendência.

Mas a idéia das estilistas é um pouco menos autoritária do que isso e pode ser considerada, inclusive como uma forma de liberdade. É bom para os dias em que a mulher estiver com uma herpes, ou uma espinha na cara, diz a editora do iG Celular Fernanda Fontes. Mas depois ela lembra: o problema é que todo mundo quer ser visto.

Amanda Figueiredo, repórter do iG Gente demora horas para se arrumar todas as manhãs e mesmo assim não consegue se acostumar com a idéia. Depois os estilistas vão transformar a burca em uma túnica qualquer e nem vai ser transgressor, mas eu iria gostar se fosse uma micro-burca, brinca.

E todo mundo quer mesmo ser visto ou não teríamos o mercado de cosméticos, cirurgias plásticas e afins crescendo avalassadoramente. Imagina se a moda pega. No frio, eu usava fácil e ainda não ia ter que ficar ouvindo os manobristas me chamando de gostosa, opina Thaís Corrêa, editora do iG Jovem .

Aqui na equipe do Delas , Juliana Arruda, nossa repórter gostou da idéia. Eu acho que pode virar moda sim! Adorei a Burberry. Tem vários acessórios ditos diferentes que o pessoal já usa. Sabe aquele lenço do exército israelita? O pessoal gosta de um patchwork.

A burca usada como uma obrigação (seja moral, legislativa ou religiosa) é de fato um verdadeiro atraso na vida de mulheres ocidentais que já vem conquistando o mercado de trabalho há décadas, mas pode ser uma questão libertária para um bad hair day, com o perdão dos fundamentalistas! Aqueles dias com picos hormonais, TPM ou simplesmente para o dia em que você não quer ser vista.

O que você acha dessa moda? Será que pega?
Sim - claro que pega, vou poder descer no prédio para pegar a pizza sem ter que me arrumar

Não - além de ser um retrocesso eu gosto de ser vista e de ver as pessoas também



A consulta é realizada somente entre internautas e não tem valor de amostragem científica



Leia mais sobre: burca

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.