Anorexia, bulimia e compuls?o alimentar. A nutricionista Lara Natacci Cunha explica quais s?o os comportamentos mais comuns que causam serios danos a saude e interferem no equilibrio psicologico. Fique ligada para n?o cair nessa

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=ModeloiG%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237491676137&_c_=MiGComponente_C

Todo mundo ja cansou de ouvir a frase: Voce e o que voce come. Se a sua alimentac?o anda de cabeca pra baixo, logo seu corpo n?o vai aguentar e, consequentemente, sua vida podera virar um caos. Fique ligada, voce pode estar no meio de um grave disturbio alimentar e nem se dar conta disso.


Anorexia

Quem e que n?o se olha no espelho e sempre acha que precisa emagrecer? Isso n?o e problema nenhum se voce realmente estiver precisando reorganizar a sua alimentac?o. Mas quando vira obsess?o, e hora de pedir ajuda. A anorexia e uma necessidade obsessiva de emagrecer e n?o apenas uma vontade. Uma forca inconsciente e incompreensivel que leva a jovem a restringir sua alimentac?o, mesmo que seu peso ou gordura corporal n?o justifiquem tal atitude. As pacientes que apresentam o disturbio querem emagrecer porque rejeitam seu corpo, se sentem mal, gordas, feias, explica a nutricionista Lara Natacci Cunha, autora do livro Anorexia, Bulimia e Compuls?o Alimentar (Ed. Atheneu).

Lara explica que existem dois tipos de anorexia: a restritiva, marcada por uma restric?o alimentar severa associada ou n?o a hiperatividade fisica; e a purgativa, quando a paciente acredita consumir uma quantidade de alimentos maior do que necessita e desenvolve comportamentos compensatorios, como induc?o ao vomito, consumo de laxantes ou diureticos.

Bulimia

A bulimia se caracteriza por uma perda de controle do individuo que o conduz a uma compuls?o alimentar, quando uma enorme quantidade de alimento e engolida rapidamente, na maioria das vezes, as escondidas. O episodio n?o visa apenas saciar uma fome exagerada, mas muitas vezes compensar um estado emocional descontrolado. O ponto de partida pode ser um pequeno regime, adotado por n?o se sentir em forma, com o intuito de perder alguns quilinhos. A bulimia pode aparecer atualmente como a consequencia, a mais ou menos longo prazo, das restric?es alimentares impostas pela sociedade e adotadas pelo sujeito, vitima do terrorismo sociocultural do emagrecimento, esclarece a nutricionista.

E n?o e so o corpo que sofre com os prejuizos. Fora das crises, a doenca pode ate se manifestar no consumo exagerado de drogas e bebidas alcoolicas, pela cleptomania e ate disturbios sexuais.

Compuls?o Alimentar Periodica

O transtorno da compuls?o alimentar periodica ? tambem chamado de BED, sigla para Binge Eating Disorder ? e caracterizado por uma tendencia frequente ao exagero no consumo de alimentos sem a pratica de metodos compensatorios, e com um consequente aumento de peso.

As vezes, n?o ha interrupc?o clara no episodio de compuls?o, que pode se estender durante um dia inteiro ou ate mais tempo. A compuls?o, na maioria das vezes, e desencadeada por um fator emocional: stress, ansiedade, problemas de relacionamento. Os pacientes relatam antecedentes familiares de obesidade, sobrepeso durante a infancia, constantes desentendimentos familiares e preocupac?es dos proximos com a forma fisica, peso e dieta, alerta Lara.

Os efeitos psicologicos

Anorexia - diminuic?o na capacidade de tomar decis?es e no julgamento. Ocorrem tambem alterac?es no humor, como irritabilidade, depress?o e ansiedade, alem de apatia, reclus?o e isolamento social.

Bulimia - causa baixa auto-estima, oscilac?es no humor e alta impulsividade, que pode se expressar em forma de uso de drogas ou alcool, cleptomania ou promiscuidade sexual.

Compuls?o Alimentar Periodica ? as complicac?es s?o secundarias ao ganho de peso e a consequente obesidade, muito comum nesses pacientes. Eles s?o particularmente sujeitos ao isolamento social, aos preconceitos por estarem acima do peso, e a baixa auto-estima resultante disso.

Voce esta doente?

Fique atenta aos sinais: voce...

... tem preocupac?o excessiva com peso e dieta?

... faz contagem frequente de calorias?

... experimenta um aumento subito e injustificado de atividade fisica?

... faz maior utilizac?o do banheiro, principalmente depois de comer;

... se queixa frequentemente de desconfortos intestinais?

... usa medicamentos sem necessidade ou prescric?o medica?

... gasta excessivamente, sem justificativa?

... passa por apatia, fraqueza constante?

... tem oscilac?es no humor?

... tem oscilac?es no peso corporal?

... sofre com vomitos ou diarreias frequentes?

E a nutricionista da a dica: o alimento preferido deve ser ingerido sem culpa, com a func?o de proporcionar prazer, e n?o de satisfazer uma necessidade emocional. Ent?o deixe pra comer aquela barrinha de chocolate quando voce estiver de bem com mundo!

Leia mais sobre: disturbios alimentares

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.