Quando grande parte das pessoas já dá a vida afetiva por encerrada, Érico encontrou uma namorada e casou depois de 28 anos viúvo

Érico encontrou o amor novamente depois de ter ficado viúvo há 28 anos
Getty Images
Érico encontrou o amor novamente depois de ter ficado viúvo há 28 anos
Nada de encontros para a terceira idade: eles se conheceram numa casa de forró. Dançaram, pintou um clima, e, na virada para os 70, ele começou a namorar. Deu tão certo que, depois de dois anos, resolveram finalmente casar do jeitinho mais moderno que existe.

Leia também:
- Vida nova na terceira idade: campeão de patinação aos 70

Juntar os trapinhos não é coisa de jovem, não, senhor. O marceneiro Érico de Oliveira que o diga. Aos 70 anos, acaba de se tornar o mais novo compromissado do quarteirão, depois de 28 anos viúvo. O que ajudou foi seu espírito festivo: “Sempre viajei muito. Já fui para Porto Seguro, Camboriú, Búzios. Ter uma vida meio agitada me ajudou a conhecer pessoas”. Justamente em uma de suas “noitadas” regadas a cerveja e música ao vivo ele conheceu Maria Cristina, de 50 anos. “Ela chegou aqui no meu pedaço há menos de uma semana com as coisas dela”, conta rindo.

Cerca de 400 convidados em aniversário
Nada aconteceu da noite para o dia. Antes de ingressar em algo mais sério, deram tempo ao tempo. “Fomos nos aproximando há quase dois anos até chegar neste ponto”, explica ele, que não descarta uma festinha para oficializar a união. “Tudo é tão recente, mas não deixo de lado a hipótese de comemorar isso”. Por enquanto, a transformação imediata está mesmo no astral: Érico tem quatro filhos, dois deles excepcionais, e a chegada de Maria Cristina trouxe tranquilidade e organização à casa. “Além de ser uma ótima companheira para tudo – saímos juntos sem hora para voltar -, ela adora meus filhos”.

E a chegada da nova integrante da família foi em boa hora, ele admite. “Minha filha já dizia que um dia eu ia precisar de alguém para me acompanhar”, comenta Érico. “Este é o meu momento, e estou me sentindo muito bem porque ela é uma boa companheira”. Ele, por sua vez, também não deve deixar nada a desejar: na festa de comemoração dos seus 70 anos, cerca de 400 pessoas compareceram para acompanhar a retrospectiva de sua vida. A namorada, como não podia deixar de ser, marcou presença. E decidiu entrar de vez na história.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.