Você sai de férias e ainda checa o e-mail? Veja 10 dicas para se desligar – mesmo – ao entrar no período de descanso

Aproveite o tempo livre para mover-se e 
aprender a meditar, por exemplo
Getty Images
Aproveite o tempo livre para mover-se e aprender a meditar, por exemplo
Em tempos em que até os ponteiros do relógio parecem treinar para a próxima São Silvestre, é melhor dar um tempo no próximo intervalo – ou você perderá o pique e ficará para trás no segundo tempo. Confira 10 dicas de Flávia Lippi (coach focada na formatação de soluções e geradora de novas possibilidades) especialmente para você aproveitar suas férias totalmente desconectada do trabalho!

1. Seu corpo precisa de pelo menos uma semana para habituar com uma nova realidade: a que você está de férias e que vai usar sua energia para descansar. Aproveite a primeira semana para colocar as ideias em ordem. Ouça seu corpo e sua mente. Dê-se ao direito de iniciar uma jornada diferente.

2. Depois desta semana, comece a mudar hábitos antigos. Mudar hábitos é comprovadamente, pela neurociência, uma forma de rejuvenescer as células e os neurônios. Para isso observe aquilo que faz sempre igual e pergunte-se: “Como posso fazer diferente para um melhor resultado?” E faça.

3. Não caia na tentação de ligar o computador e abrir os e-mails. Desligue-se. Poste uma mensagem de férias dizendo que tal pessoa responderá por você durante o período em que estiver fora. E informe a sua data de sua volta. O mundo não vai acabar por isso.

4.

Cuide de seu corpo e de sua mente. Aproveite o tempo livre para mover-se e aprender a meditar, por exemplo. Pode ser útil em sua volta ao trabalho.

Flavia Lippi
Divulgação
Flavia Lippi

5.

Se gosta de tirar férias e se acha incapaz de desligar, escolha um roteiro para um local onde você possa conhecer novas visões sobre o assunto que domina – e então sentir que, mesmo nas férias, você está se aprimorando em sua função.

6. Saiba que o nosso organismo é feito de muitas partes, e que dar um tempo do cotidiano pode ser a melhor maneira de aumentar a performance no trabalho.

7. Felicidade é medida não pelo que você conquistou, mas pelo que você faz com o tempo que tem todos os dias. Desligue de sua agenda diária de trabalho e, mesmo incluindo em seu roteiro algo que vai lhe acrescentar intelectualmente em sua profissão, desconstrua sua agenda diária e faça suas coisas em horários diferentes. Por exemplo: acorde em horários que jamais faria em sua rotina diária. Durma igualmente em horários diferentes. Se não tem o hábito de dormir depois do almoço, tire uma soneca e observe como seu corpo reage às modificações propostas.

8. Escolha com quem vai viajar. Lembre-se, a pessoa que está indo com você precisa saber o que você propõe para esta viagem. Saiba explicar o que deseja e entenda quais os desejos da pessoa ou pessoas que irão junto. Assim, você estará tranquila e ciente de que todos estão fazendo o que desejam nas férias.

9. Não crie agenda de eventos e nem fique presa a ações. Deixe a vida te levar por alguns dias. Escolha um show ao qual quer ir só quando estiver no destino das férias, por exemplo, e não antes. Não deixe compromissos marcados antes para que não tenha que cumprir agendas fixas como em seu trabalho.

10. Não transforme suas férias em metas a cumprir.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.