Não é preciso separar um ano da sua vida nem uma pequena fortuna para mudar a história da sua vida

Quando escreveu “Comer, rezar, amar”, best-seller que inspirou o filme estrelado por Julia Roberts, talvez Elizabeth Gilbert não tivesse noção de que seu livro de memórias ia vender quatro milhões de exemplares, render uma continuação e se tornar uma franquia bem sucedida que batizou de perfumes a roteiros turísticos. A identificação do público com a obra não é de se espantar, já que qualquer pessoa que tenha passado por uma crise pessoal devastadora sabe o quanto a luz no fim do túnel é perseguida a todo custo. Gilbert partiu para sua jornada de um ano por três países com a vantagem das despesas pagas adiantadas pelos direitos autorais do livro que escreveria sobre a experiência. Mas como dar conta da reinvenção pessoal sem direito a ano sabático e orçamento irrestrito? É possível criar um plano express, focando em uma ou duas atividades ou viagens mais curtas. E se entregar de cabeça à experiência

Julia Roberts vive Elizabeth Gilbert em
Divulgação
Julia Roberts vive Elizabeth Gilbert em "Comer, Rezar, Amar"

Comer
A “cozinhaterapia” não para de ganhar adeptos. A sensação alquímica de misturar sabores, texturas e aromas mexe com o sensorial e liberta amarras para abraçar a vida de forma mais prazerosa. Se não é possível passar 4 meses na Itália entre sorvetes e copiosos pratos de massa e vitela, a alternativa pode ser um curso mais intenso – de longa duração, no Brasil, ou de imersão, em outro país.

Longo prazo - De aulas únicas ao curso de um ano que envolve técnicas e exige uma dedicação mais pesada, há experiências para todos os gostos na Escola Wilma Kovesi de Cozinha. “Muitas pessoas vêm para virar a mesa e mudar de carreira, outras vêm como uma terapia, fazem o curso para cuidar de si”, afirma a chef consultora e professora de cozinha Gabriela Martinoli. “O Objetivo Chef é para quem quer um ano de ‘terapia’, com muita técnica.” As técnicas e ideias para montar o cardápio são ensinadas a partir de receitas.

Escola Wilma Kovesi de Cozinha
(11) 3082-9151

Imersão – A agência de turismo gastronômico Al Mondo leva os alunos para roteiros em destinos de tradição gastronômica, como Toscana, na Itália, e Provença, na França. No roteiro de 2010, ainda é possível participar do grupo de Costa Brava, na Espanha, em setembro, e Toscana, em outubro. Além de menus locais no café, almoço e jantar, os viajantes participam de aulas de culinária que vão desde as compras do mercado até a mesa. A hospedagem é em villas e casas locais, em paisagens cinematográficas – uma experiência muito mais próxima da arquitetura e cultura local do que estadia em hotéis.

Al Mondo
(55) 9118.5939

Rezar
Reconectar-se com Deus ou buscar uma verdade interior por meio da espiritualidade costumam fazer parte da lista de intenções de quem está repaginando a vida – seja qual for o credo pessoal. Os objetos de desejo são longos períodos de isolamento em viagens clássicas, como meditação em um ashram na Índia ou viagens de peregrinação como Santiago de Compostela, na Europa. Se o tempo estiver curto, retiros de ioga, meditação e silêncio podem ajudar a desapegar-se da rotina, fazer uma faxina na confusão mental e voltar renovado para a rotina.

O caminho - A Sociedade Brasileira de Taoísmo promove retiros em São Paulo e no Rio de Janeiro. Natureza, simplicidade, tranquilidade e paz interior fazem parte do cardápio. Entre as atividades, estão rituais taoístas, sessões de exercícios Qi Gong e meditação Xin Zhai Fa, que significa método da purificação da mente.

Sociedade Brasileira de Taoísmo
(21) 2225-2887
(11) 3105-7407

Em silêncio - O templo Odsal Ling é um centro de budismo tibetano com retiros de silêncio opcional em São Paulo (SP) e Três Coroas (RS). Há ensinamentos budistas e na agenda, horários de silêncio. Há retiros mais curtos e, em outubro, haverá um retiro de 10 dias, o Ioga dos Sonhos, em São Paulo, com o método de meditação do budismo tibetano vajraiana, conduzido pelo Lama Tsering Everest.

Odsal Ling
(11) 3885-3945

Amar
Não era o amor que Elizabeth Gilbert estava buscando quando o encontrou. Na última parte do livro, em Bali, ela está em treinamento espiritual quando se apaixona por um brasileiro. Como no amor não há garantias e é incerto onde achá-lo, o que se pode fazer é aumentar as chances conhecendo mais gente e investindo em si mesmo. O retorno em satisfação pessoal ao conhecer novas pessoas e renovar a autoestima garantem que o investimento vale a pena – mesmo se o amor romântico não chegar.

Abrir o coração - Uma opção rápida e divertida é investir no speed dating. Os encontros rápidos colocam casais para conversar por alguns minutos, trocando os pares para que cada participante possa conhecer várias pessoas. “Já tivemos cerca de 650 participantes desde os primeiros encontros, há um ano”, diz Pedro Siqueira Gomes, um dos organizadores do Speed Dating. As pessoas anotam em fichas em quem têm interesse e a organização coloca os pares em contato. Não vale esperar sentado pelo amor da sua vida. A experiência pode ser muito mais divertida se você se abrir para conversar, largar a timidez e aprender a reparar em pessoas interessantes.

Speed dating

Em busca das origens - Conhecer suas origens e respirar novos ares é uma ótima tacada para quem sente que deixou o coração estagnar ou precisa de um empurrãozinho para deixar para trás lembranças ruins. Que tal conhecer a cidade de onde vieram seus antepassados? Num país que tem forte presença da migração na população, são centenas de destinos possíveis. Como não há agências focadas em turismo genealógico no Brasil, o melhor é procurar uma agência que ofereça viagens customizadas, já que o destino varia de acordo com a ascendência e história de cada pessoa, então não há roteiros prontos. A Matueté cria roteiros personalizados a partir de uma entrevista com o cliente em que todas as atividades e experiências são detalhadas. Uma alternativa interessante para ir em busca da própria história – e quem sabe, encontrar o amor no caminho?

Matueté

Leia mais:
Ano sabático: só para quem pode

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.