Tamanho do texto

"Você escolheu a garota errada para machucar", afirmou Felicity Hayward à mulher que disse que ela estava "gorda demais" para usar uma peça de roupa

Recentemente, Felicity Hayward, de 29 anos, fez questão de mostrar a importância de ter uma boa autoestima  ao responder um casal que a deixou constrangida ao zombar de seu corpo enquanto estava na praia . Entretanto, aquela não foi a primeira que a modelo plus size precisou lidar com esse tipo de situação e, infelizmente, também não será a última.

Modelo plus size ouviu comentário sobre
Reprodução/Twitter/FelicityHayward
Modelo plus size ouviu comentário sobre "estar gorda demais para usar uma roupa" e decidiu responder


Dessa vez, Felicity ouviu na rua que estava "gorda demais" para usar um conjunto de peças pretas composto por uma calça de cintura alta combinada com uma blusa que deixava parte da barriga à mostra. Novamente, a modelo plus size decidiu compartilhar a experiência nas redes sociais para responder o comentário e usar essa situação negativa à seu favor. 

"Para a mulher mais velha que estava passando por mim na rua enquanto eu estava usando esse conjunto, que riu e gritou na minha cara 'você está gorda demais para usar essas roupas', você escolheu a garota errada para tentar machucar", escreveu em publicação no Twitter que, mais tarde, também foi postada no Instagram: 


Leia também: Jovem exibe estrias e celulite para mostrar que "corpos perfeitos" não existem

"Só porque você não é uma pessoa cofiante para ser você mesma sem culpa, não queira descontar suas inseguranças nos outros", diz. Felicity ainda menciona que ficou brava e reclamou alto do comentário na hora, querendo deixar claro como esse tipo de reação negativa ao corpo de outras pessoas é errado e pode afetá-las.

"Você nunca sabe o que alguém passou para parecer do jeito que é, e eu estou grata que você tentou me ferir em vez de uma jovem insegura sobre o próprio corpo. O que teria acontecido se você gritasse com uma garota que acabou de perder o pai, a irmã e ganhou peso por causa do luto, ou alguém com ovário policistico ou outra condição médica que faz com que ela engorde? Além de que minha altura, peso e forma não são uma ofensa, é meu direito." 

Felicity afirma que todo mundo pode usar a roupa que quiser e acrescenta a hashtag "Amor próprio te torna bonita" como motivação para as pessoas aceitarem os próprios corpos e ganharem confiança para serem elas mesmas. "Não deixe ninguém destruir sua beleza", finaliza. 

Usuários apoiam modelo plus size

Diversos internautas comentaram na publicação, que tem mais de nove mil curtidas no Instagram e duas mil no Twitter. Entre os comentários, está o de uma usuária que elogia a coragem da jovem em expor a situação. "Você está maravilhosa, e eu queria ter a confiança para me vestir como quero em vez de usar algo que a sociedade quer. Essa mulher é o exemplo real do porquê eu tenho medo. Se eu estivesse nessa situação, teria começado a chorar, ido para casa e nunca mais sairia na rua."

Leia também: “Abdômen definido não é a ‘chave’ para a felicidade”, afirma personal trainer

A modelo plus size respondeu o comentário afirmando "estar grata" por ela ter sido o alvo do comentário negativo. "Eu possa usar minha voz para tentar inspirar outras mulheres a não ligar sobre o que essas pessoas tóxicas dizem, sua beleza não é medida pelo tamanho de suas roupas ou por seu peso", afirma. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.