País avançou oito posições no levantamento da ONU; Suíça, Islândia, Dinamarca, Noruega e Canadá lideram

BBC

O Brasil subiu oito posições e chegou ao 16º lugar no ranking de felicidade divulgado pela Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável (SDSN, na sigla em inglês), uma iniciativa da ONU.

O país mais feliz do mundo, segundo a pesquisa, é a Suíça, seguida por Islândia, Dinamarca, Noruega e Canadá.

Já o país mais triste é Ruanda, que sofreu com um genocídio nos anos 1990. A Síria, assolada por uma guerra civil, também está entre os menos felizes, assim como Togo, Burundi e Benin.

O índice considerou 158 países com base em dados do instituto de pesquisa Gallup.

Brasil é 16º em ranking global de felicidade
BBC
Brasil é 16º em ranking global de felicidade


O ranking é baseado no quanto as pessoas se consideram felizes, mas ele estima também o quanto dessa felicidade se deve a variáveis como PIB per capita, expectativa de vida, níveis de corrupção e liberdades individuais.

Contaram a favor do Brasil a expectativa de vida e o apoio social (que significa ter com quem contar em situações problemáticas).

O objetivo do ranking é influenciar em políticas públicas.

"Cada vez mais a felicidade é considerada uma medida adequada de progresso social e um objetivo da política pública", diz o relatório.

"Um número cada vez maior de governos nacionais e locais estão usando dados sobre felicidade na busca por políticas que possam permitir que as pessoas tenham uma vida melhor".

O SDSN é composto por integrantes do meio acadêmico, de governos e do setor privado. O primeiro relatório foi lançado em 2012.


Ranking de Felicidade 2012 - 2014
1 - Suíça

2 - Islândia

3 - Dinamarca

4 - Noruega

5 - Canadá

...

16 - Brasil

17 - Luxemburgo

18 - Irlanda

19 - Bélgica

20 - Emirados Árabes Unidos

Fonte: World Happiness Report 2015

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.