As frases que os ex-gordos mais detestam ouvir e por que você deve evitá-las

Emagrecer, todo mundo sabe, não é uma tarefa fácil. A dedicação necessária para perder muitos quilos é exaustiva, mas vale a pena quando a balança e o espelho mostram que todo o esforço foi recompensado. Nessa hora, nada melhor para o ex-gordinho do que ouvir um elogio. Mas, e quando a mudança gera comentários desagradáveis? Sim, muita gente acha que está elogiando quando, na verdade, está sendo, no mínimo, indelicada.

As piores coisas para dizer a quem perdeu peso
Thinkstock/Getty Images
As piores coisas para dizer a quem perdeu peso

De acordo com a endocrinologista Maria Fernanda Barca, é fundamental que a família, amigos e até mesmo a equipe médica deem retornos positivos para quem está perdendo peso. No entanto, não é incomum o ex-obeso ouvir comentários depreciativos, como: “você parece doente” ou “não acha que perdeu peso muito rápido?”. Nesses casos, os especialistas são unânimes: é preciso se afastar de influências negativas, pois comentários do tipo acabam desmotivando o processo de emagrecimento.

“Palpites sempre vão existir e não só em relação ao emagrecimento. Então é importante lidar com esses comentários da melhor forma, sem perder o foco na redução de peso. Assim como existem os comentários ruins existirão muitos outros positivos”, lembra a psicóloga Fernanda Prearo, da clínica GTS.

Leia mais: Personal trainer que venceu a obesidade dá dicas para emagrecer

Quem emagreceu também precisa entender que, em um primeiro momento, as pessoas ao redor estranham mesmo o novo visual.

“Para aqueles que convivem diariamente com o obeso é mais fácil assimilar as mudanças. Pessoas que não o veem há algum tempo podem ter uma reação mais inesperada”, diz Maria Fernada.

Em todos os casos, é preciso não se deixar abater pelos comentários negativos e, se necessário, estar pronto para responder a eles. Se for uma pessoa próxima, explique que o comentário é desagradável e por que é chato ouvir aquilo. Se ela gostar de você, entenderá perfeitamente e tomará mais cuidado com o que diz. Para os sem-noção de plantão, preparamos uma lista com as frases mais comuns que os ex-obesos ouvem com frequência e acham bem chato escutar. E explicamos por que elas devem ser evitadas.

“Você perdeu peso rápido demais! Isso é normal?”

A menos que você conviva com a pessoa diariamente e tenha um diploma em Medicina, não pode saber se ela perdeu peso rápido demais ou não. O médico é o especialista indicado para determinar o ritmo de perda de peso – por isso a orientação de jamais começar uma dieta sem a orientação de um profissional habilitado. Além disso, cada pessoa tem um objetivo diferente. Umas querem dietas mais radicais, outras não querem ser tão radicais assim. Objetivos diferentes, dietas diferentes.

“Você parece outra pessoa! Está até mais alegre!”

Na verdade, como todos os seres humanos, o ex-gordinho pode ser uma pessoa alegre e triste, dependendo da situação ou do momento. O fato dele ser gordo não necessariamente o impede de ser uma pessoa alegre.

“Você deve estar se sentindo tão bonita agora!”

Outro erro pensar que quando era gorda a pessoa se achava feia. Claro que ela pode estar se sentindo mais atraente agora, mas o fato de ser gorda não impede uma pessoa de ser bonita e interessante.

“Mas você tomou remédio ou só fechou a boca? Estou te achando mais agitada!”

De novo querendo bancar o médico, é isso? Existem infinitas formas de emagrecer e remédios, quando corretamente prescritos pelo médico, podem fazer parte do processo. O que importa é manter a cabeça no lugar e seguir orientação profissional. E, sinceramente? Talvez o ex-gordinho não queira discutir a dieta dele em uma circunstância social, então, não pergunte sobre isso.

“Dizem que quem perde muito rápido ganha tudo de volta”

Isso é um mito! O importante é que a pessoa se mantenha atenta para não exagerar e voltar a ganhar peso. Por isso é fundamental um bom acompanhamento profissional.

“Você está malhando? Senão pode ficar flácida e depois recuperar tudo que perdeu”

Na verdade, muitos gordinhos emagrecem e não ficam flácidos. Isso depende de cada organismo e de como é direcionado o processo de emagrecimento.

“Nossa, nem te reconheci! Com essas roupas novas, cabelo novo, maquiagem, está renovada!”

Realmente, emagrecer mexe com a autoestima, mas o ex-gordo segue sendo a mesma pessoa de antes. Gordura não é sinal de desleixo. E muitas mulheres gordinhas são vaidosas. O que muda é a forma como as pessoas passam a olhar para a mulher quando ela fica mais magra. A sociedade passa a aceitá-la mais.

“Estou te achando tão abatida. Você fez exames para ver se está com as vitaminas em dia?”

A pessoa está emagrecendo, não definhando, ok?

As piores coisas para dizer a quem perdeu peso
Thinkstock/Getty Images
As piores coisas para dizer a quem perdeu peso

“Como você faz para comer agora que não pode abusar?”

O que muda são as escolhas e as quantidades, mas a pessoa segue comendo normalmente. Afinal terá de continuar comendo para o resto da vida. E o fato de estar de dieta não a impede de continuar se alimentando.

“Eu não sei como você consegue ficar sem comer tantas coisas gostosas. Como vai ser a hora que você for numa festa ou restaurante?”

Estar de dieta não significa abandonar tudo e jejuar como um faquir. Se tiver algum evento onde a pessoa se depare com comidas gostosas ela vai comer. A diferença é que fará isso com cuidado, escolhendo as coisas mais saudáveis e comendo em menor quantidade.

“Quando a gente emagrece dá uma caída né? Parece que você envelheceu”

Na verdade ela perdeu peso e não juventude. Claro que o processo de emagrecimento pode deixar a pele um pouco mais flácida, mas o ganho em qualidade de vida é o que precisa ser valorizado e não o aspecto da pele.

“Agora só falta fazer uma plástica para colocar tudo no lugar”

Cirurgias plásticas são procedimentos invasivos e dispendiosos. Optar por fazer ou não é algo que o ex-gordinho deve discutir com seu médico, caso haja realmente a necessidade. Muitos ex-obesos não precisam de plásticas. Tudo que precisam é se sentirem bem com o próprio corpo.

“Você não sente vontade de comer como antes? Está contando as calorias? Cuidado para não abusar!”

Sinceramente, não é legal ficar patrulhando a dieta alheia. Isso é indelicado, além de fazer com que a pessoa se sinta vigiada. Ela fez uma escolha e conseguiu perder muito peso. Em vez de deixa-la preocupada com isso e ansiosa com seus comentários, que tal comemorar a conquista dela e falar de outros assuntos? Afinal, o peso é apenas um dos muitos detalhes que constituem uma pessoa.

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.