A médica e professora de meditação Jan Chozen Bays, autora do livro “Como Domar um Elefante”, ensina cinco exercícios exclusivos para treinar o poder de concentração

Controlar a mente e estabelecer um foco de atenção nem sempre é fácil, em especial quando estamos em locais barulhentos. Mas é possível treinar o cérebro.

A norte-americana Jan Chozen Bays, professora de meditação e pediatra, elaborou 53 exercícios práticos para aumentar seu nível de concentração no recente “Como Domar um Elefante” (Editora Alaúde). Ela indicou cinco técnicas exclusivas para o Delas e explicou como cada uma influencia seu dia a dia. Siga os passos abaixo e bom treinamento.

1. Use a mão não-dominante
Técnica : “Todos os dias, faça algumas tarefas rotineiras com a mão não-dominante. Se for canhoto, use a direita. Atividades como escovar os dentes, pentear o cabelo ou segurar os talheres podem ser boas práticas”.

Objetivo: “O esforço contínuo deste exercício traz à tona a sensação de impaciência. A tarefa nos ajuda a ser mais flexível e a desenvolver novas habilidades com o passar do tempo. Além disso, desperta compaixão, pois identificamos o valor de movimentos simples que muitos não conseguem fazer”. 

Veja também
Como Fazer: seção ensina a superar obstáculos do dia a dia

2. Elimine os cacoetes de linguagem
Técnica: “Torne-se consciente dos cacoetes de linguagem (como ahã, tipo e né?), entenda em quais situações seu uso é constante e procure eliminá-los”.

Objetivo: “Os cacoetes tiram a força do discurso, tornando a fala menos definida ou assertiva. Esta técnica mostra até que ponto os comportamentos inconscientes ficam arraigados e como são difíceis de mudar enquanto permanecerem inacessíveis”.

Leia também: como ganhar uma discussão

3. Ao comer, apenas coma
Técnica: “Durante uma semana, quando estiver comendo ou bebendo, não faça mais nada. Sente-se e aprecie o que está ingerindo. Olhe as cores, formas e texturas, preste atenção aos aromas e sabores e ouça os sons do comer e do beber”.

Objetivo: “Manter o foco durante a refeição é essencial. Se você não presta atenção no que está comendo, é como se o alimento inexistisse. A comida acaba e a saciedade não vem”.

4. Acerte a postura
Técnica: “Tome consciência de sua postura várias vezes ao dia. Observe qual a sua posição e como você sente seu corpo. Onde nota pressão ou movimento? Se fechasse os olhos, quais seriam as indicações de que você está em pé, sentado ou deitado?”

Objetivo: “Concentração e postura e estão relacionadas. Muitas vezes a sonolência, na meditação ou em outro momento qualquer, é um indício de que você deixou de sustentar a postura e seus pulmões não conseguem ficar completamente preenchidos a cada respiração”.

Leia também: boa postura melhora sensação de poder

5. Escute os sons
Técnica: “Pare e concentre-se em escutar várias vezes por dia. Abra a sua audição e repare nos sons óbvios e sutis – do corpo, do ambiente e da natureza”.

Objetivo: “Os ruídos do fundo passam ao primeiro plano quando escutamos de forma atenta. Este exercício é uma forma poderosa de acalmar a mente. Escutar é uma excelente maneira de se desvencilhar das ruminações intermináveis da mente ansiosa”.

Veja também

O jogo da atenção no trânsito: veja como as distrações atrapalham

Como despertar a criatividade

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.