A festa divide opiniões: há quem caia na folia e quem faça de tudo para escapar do baticum. Leia as histórias e conte na enquete: de que lado você está?

Enquanto a professora Carolina Ferrari ataca a locadora do bairro em busca de filmes que a distraiam nos dias de folia, a estudante Suelen Carvalho conta as horas para entrar na avenida como musa da Mocidade Independente de Padre Miguel, no Rio. 

Elas não estão sozinhas. Às vésperas do carnaval, o País se divide em dois grandes blocos: o dos que amam a festa e o dos que odeiam o feriado brasileiro mais popular do ano.

"Amo carnaval": conheça a história de Suelen Carvalho, musa da Mocidade

"Odeio carnaval": entenda as razões de Carolina Ferrari, professora paulistana

Enquanto Suelen adora a festa desde quando saía de odalisca nos bloquinhos de Madureira, bairro que é considerado o berço do samba, onde foi criada no Rio, Carolina não poupa críticas ao carnaval e acha uma bobagem a obrigação de festejar por quatro dias.

E você, de que lado está? Vote na enquete ao lado.

Leia mais

Brinque o carnaval com seu filho

Prepare a casa para o Carnaval

Vídeo: aprenda a colocar cílios postiços e outros truques de maquiagem para o carnaval

Camisinha: você sabe usar direito mesmo?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.