A astróloga Monica Horta conta em detalhes como será o mês para os librianos

Os tradicionalmente frios e civilizados librianos estão sendo sacudidos por um vendaval de emoções contraditórias. A presença de Vênus no signo que ela mesma rege aumenta a segurança e multiplica o charme que sempre envolve cada um dos gestos dos que nasceram neste signo.

Na última semana do mês, a vida vai ganhar um novo ritmo e as novidades, até então assustadoras, vão passar a ser vividas como uma libertação

Como se isso não bastasse, a relação de harmonia que ela estabelece com Júpiter e Mercúrio gera uma enorme facilidade de comunicação e recheia cada um dos seus discursos com uma dose extra de sabedoria.

Até aí tudo estaria perfeito se não fosse a passagem de Urano pelo signo de Áries, que está promovendo uma verdadeira revolução nos valores e nos padrões tradicionais que sempre regeram as decisões e escolhas dos librianos, geralmente muito bem pensadas. Urano sempre traz o novo e, por estar em Áries, tem pressa.

Disfarçados pela capa protetora do grande Retângulo Místico , os relacionamentos estão passando por transformações radicais. Sem nenhuma explicação lógica, valores ou relações que sempre foram importantes passam a parecer anacrônicos ou desinteressantes. Ou o contrário : pessoas ou valores que pareciam esquisitos ou ameaçadores se tornam profundamente atraentes. E a avaliação estética de todas as formas de arte passa pela mesma transformação.

Este é um longo processo que vai se desenrolar durante os sete anos que Urano vai passar em Áries. Mas neste mês está atingindo mais fortemente os que nasceram no primeiro decanato. Qualquer forma de novo aprendizado pode ajudar a lidar melhor com as mudanças, mas o movimento retrógrado de Mercúrio, entre os dias 6 e 26, pode atrasar os bons resultados dos novos conhecimentos enquanto a impulsividade de Urano cria um sentimento de urgência que pode desembocar em surpreendentes explosões de temperamento.

A Lua Nova do dia 13, em Escorpião, vai direcionar os ventos da renovação para a vida profissional, que já está meio complicada desde que Saturno entrou neste signo. Ainda bem que o poderoso Netuno, instalado na casa da rotina e do cotidiano, pode suavizar o impacto das mudanças e mostrar que é possível mudar hábitos e encontrar uma nova maneira de estar no mundo.

A magia netuniana pode mostrar que, às vezes, perdas inesperadas e não desejadas podem levar a um cotidiano muito mais confortável.

A partir do dia 17, a aproximação entre Marte e Plutão no signo de Capricórnio vai aumentar a temperatura emocional e provocar problemas nas relações afetivas, principalmente com a família. A partir dessa data vai ser impossível continuar a acreditar que os librianos são seres frios , que põem a razão à frente da emoção.

Na última semana do mês, com o Sol em Sagitário, Mercúrio voltando a andar para frente e Vênus em Escorpião, a vida vai ganhar um novo ritmo e as novidades, até então assustadoras, vão passar a ser vividas como uma libertação.

> Leia tudo sobre o Tempo de Escorpião na coluna de Monica Horta

> Veja as previsões de novembro para todos os signos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.