Americana Nadine Schweigert explicou à TV americana porque subiu ao altar sozinha numa cerimônia completa de casamento

Desde março deste ano, uma mulher está gerando burburinho nos Estados Unidos por causa de seu casamento inusitado. Com a presença da família, Nadine Schweigert, de 36 anos, subiu ao altar sem noivo e casou-se consigo mesma numa cerimônia simbólica na cidade americana de Fargo. Depois de mais de dois meses de polêmica, ela resolveu vir a público para explicar a sua curiosa atitude. Em entrevista a um programa de TV dos EUA, na última semana, Nadine disse que fez isso para superar um divórcio traumático.

Nadine Schweigert durante sua entrevista ao talk show 'Anderson' da TV americana
Divulgação
Nadine Schweigert durante sua entrevista ao talk show 'Anderson' da TV americana
“Foi uma atitude que mostrou como eu estava comprometida em mudar a minha vida. A culminação da longa jornada que levei para chegar até aquele momento. Eu estava feliz e me sentindo muito poderosa, queria dividir esse momento com os meus amigos e familiares. De certa forma, foi uma prestação de contas”, explicou Nadine, na entrevista que deu ao talk show ‘ Anderson ’, apresentado pelo jornalista Anderson Cooper em diferentes canais americanos.  

Professora de yoga, Nadine é mãe de dois filhos e decidiu se separar do marido há seis anos. Ela disse no programa que se tornou uma mulher melhor desde então. “Naquela época, sair para beber era a forma que eu tinha de lidar com os problemas”, contou a americana. “Também fumava e estava 50 quilos acima do meu peso”, prosseguiu..

Confira :  Pedido de casamento musical faz sucesso e inspira clipe de Marcelo Jeneci


Nadine pode ter se inspirado na personagem Sue Sylvester da série americana 'Glee'
Divugação
Nadine pode ter se inspirado na personagem Sue Sylvester da série americana 'Glee'

A ideia de realizar a cerimonia inusitada partiu de uma amiga. “Ela me disse: ‘Porque você tem que esperar alguém para casar e ser feliz. Case com você mesma’”, relatou Nadine. A amiga tinha razão: “Eu realmente estava esperando alguém para ser feliz”.

De acordo com um jornal da cidade de Nadine, o The Forum Fargo Moor-Head, a inspiração para o casamento veio de um personagem da TV.

Num episódio da série americana ‘ Glee ’, a professora de educação física Sue Sylvester também fez um casamento individual. Na comédia, Sue sofre uma desilusão amorosa e passa a acreditar que só existe uma pessoa perfeita para se casar: ela mesma.

Casamento com direito a bolo e buquê

Engana-se quem pensa que o casamento de Nadine foi uma mera encenação. Apesar de simbólica, a cerimônia, conduzida por um amigo da noiva, seguiu rigorosamente o cerimonial, incluindo até um imenso bolo branco que foi oferecido aos 45 convidados, 

Mesmo sem noivo, Nadine Schweigert fez questão de ter todos itens de um casamento tradicional
Reprodução/The Forum Fargo Moor-Head
Mesmo sem noivo, Nadine Schweigert fez questão de ter todos itens de um casamento tradicional

Com um vestido azul de cetim, Nadine subiu ao altar carregando um buquê de rosas brancas. Antes de dizer ‘sim’ para ela mesma, fez questão de declarar os seus votos. “Eu, Nadine, prometo aproveitar a alegria da minha companhia e desfrutar o longo caso de amor que tenho com a bonita pessoa que eu sou”, pronunciou a professora na ocasião.

Em seguida, ela se presenteou com uma aliança de casamento, que colocou na mão esquerda. Como não tinha um parceiro para a tradicional hora do beijo da cerimônia, Nadine pediu que os convidados “jogassem beijos para todo o mundo”.

Veja ainda: O casamento acabou e quero meu amigos de volta. O que faço?

A maioria dos amigos participou com entusiasmo da celebração, alguns até ajudaram fazendo o bolo e a lista de presentes do casório. Segundo fontes ouvidas pelo The Forum Fargo Moor-Head, a mãe de Nadine, que compareceu à cerimônia, apoiou a decisão da filha, dizendo: “Nada me surpreende mais nos jovens”.

Já o filho de 11 anos não ficou muito à vontade com a decisão da mãe. “Eu te amo, mas  estou envergonhado por você e não vou ao casamento", teria dito o garoto, segundo fontes do jornal americano.

Por mais difícil que seja de acreditar, Nadine não foi a primeira mulher a se casar consigo mesma. Em 2010, uma tailandesa de 30 anos também subiu ao altar sozinha. Mas os motivos eram bem diferentes.

Na época, o governo da Tailândia oferecia incentivos para recém-casados. Chen Wei-yih, de 30 anos, não tinha marido, mas queria casar. Ela então resolveu encarar o altar sozinha. 

Continue lendo:
Lidar com divórcio é mais fácil para os mais velhos 
Por que os casamentos acabam?

>>> Assine a  Newsletter , curta nossa página no  Facebook  e siga o @Delas no  Twitter  <<<

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.