Especialistas dão dicas para você aproveitar bem a estação mais fria do ano

Inverno bem curtido: música, coberta, comidas quentes
Getty Images
Inverno bem curtido: música, coberta, comidas quentes
Adorado por uns, detestado por outros. Não importa: o inverno está aí e dá para você transformá-lo em sua estação preferida (mesmo que mude de ideia depois!). Nada de ficar em casa mal-humorada e tremendo de frio: o Delas conversou com especialistas de áreas diversas – comportamento, turismo, beleza, moda, gastronomia e decoração -, para pegar dicas quentes da temporada. Confira.

1.Conheça a Abhyanga . Andrea Alves, proprietária do spa Jaya , especializado em terapias ayurvédicas, em São Paulo, explica que, nesta época do ano, a massagem de nome exótico (se fala abiyanga) é uma das melhores pedidas: “Ela é feita com óleos de ervas em temperatura morna, que deixam o corpo bem aquecido”. Além disso, a técnica estimula o relaxamento muscular e a eliminação de toxinas, o que a torna ainda mais indicada para quem costuma exagerar na alimentação em dias frios.

2. Aproveite as cores fluorescentes. Segundo o maquiador Marcos Costa , as cores fluorescentes já utilizadas anteriormente chegam com mais força neste inverno: “Verde, pink, azul e laranja são algumas das que valem para os olhos, maçãs e lábios”. Além disso, o especialista ainda indica o batom vermelho (essencial!) e lembra que o olho preto deve continuar em alta.

3. Faça um bronzeado de verão. Assim como acontece em janeiro e fevereiro, os meses de frio também podem agredir a sua pele. A dica de Marcos Costa é aplicar base ou tonalizante sempre que possível para deixar a pele do rosto protegida, viçosa e longe daquele branco de escritório.

4. Abuse dos exercícios . Embora seja mais difícil levantar-se da cama no frio, Marcos Paulo Reis , especialista em treinamento desportivo e diretor técnico da MPR Assessoria Esportiva, afirma que esta época do ano faz com que você tenha um desempenho melhor. “Tem que ir agasalhado, mas sair para correr ou fazer uma caminhada é bem mais produtivo e indicado no inverno do que no verão”. Ele lembra que, nestes meses de mais frio – que usualmente é um frio ameno, diferente do que acontece em cidades da Europa e dos Estados Unidos –, você acaba sentindo-se melhor para os exercícios, diferente da sensação de indisposição que o calor traz.

5. Aqueça-se bem. A época é ótima para os exercícios, mas Marcos Paulo Reis lembra que o aquecimento é essencial antes de começá-los. “Enquanto no verão você deve se preocupar mais com a hidratação, no inverno deve se lembrar e dar atenção total ao aquecimento”, afirma.

6. Coma pratos quentes. A dica é da chef e consultora de gastronomia Ana Soares, da Mesa III Gastronomia . De acordo com a especialista, nada melhor nesta época do ano do que saborear pratos que são servidos em cumbucas, como uma ótima sopa de abóbora com agrião ou uma polenta com ragú.

7. Aposte em sobremesas frias . Ana Soares diz também que o inverno é bastante propício para as sobremesas, mesmo que elas incluam uma ou duas bolas de sorvete. “Mesmo se for uma sobremesa gelada, como o tiramisú, ela cai muito bem”, explica a chef. Outra possibilidade é o Affogato ao Café, feito com duas bolas de sorvete de creme e duas xícaras de café expresso jogado por cima. “Você também pode regar com um pouco de uísque e colocar um biscoito crocante para acompanhar”, indica.

8. Tenha foco . Dias frios e nublados podem deixar muita gente desanimada e com mais sono do que o normal. Para a psicóloga Márcia Dolores Rezende, especialista em desenvolvimento humano e fundadora e diretora do Instituto Saber , ter objetivos claros é a chave para manter o pique em alta neste período. “Focar no propósito do dia auxilia você a levantar da cama e dar conta do que precisa fazer”, conta.

9. Curta mais o momento . Começar o dia com algo que te dê prazer, como uma música bacana, por exemplo, é uma boa ideia para estimular o bom humor nos dias frios. De acordo com Márcia Dolores Rezende, o segredo é iniciar o dia com atividades que te proporcionem bem-estar: “Curta o café da manhã, dedique um tempo para ler o jornal, enfim, ocupe a mente de maneira produtiva e prazerosa”.

10. Cores quentes dentro de casa . A dica é da consultora de Feng Shui Cristina Ventura , que indica cores como amarelo, laranja e vermelho para deixar o frio do lado de fora da casa. “Tons vibrantes e fortes ajudam bastante a deixar o ambiente mais aconchegante”, explica.

11. Aposte em tecidos encorpados. Priscila Baliu, arquiteta e designer de interiores, indica tapetes felpudos e mantas de lã para aquecer o ambiente. “No inverno, é hora de usar e abusar destas texturas. Elas rendem um décor reconfortante e ajudam de fato a aquecer o ambiente”.

12. Férias na Chapada Diamantina. Segundo o autor do Manual do Turista Brasileiro e coordenador do site www.manualdoturista.com.br , Lúcio Martins Rodrigues, a Chapada Diamantina, no interior da Bahia, é um dos melhores destinos brasileiros no inverno. “Para quem gosta de fazer trilhas, é mais gostoso conhecer no inverno do que no verão”, afirma. O lugar é cheio de rios, cachoeiras, cavernas, cânions e vales, ideal para longas caminhadas.

13. Paraty continua linda. No Estado do Rio de Janeiro, Lúcio Martins Rodrigues indica a cidade fluminense como uma das mais bacanas no inverno. “Em Paraty dá para passear bastante e conhecer a cidade num clima bem gostoso nesta época”, diz. Ele indica também um passeio em Ilha Grande, a aproximadamente 100 quilômetros de Paraty. “É um período mais seco, então é bem bacana para fazer trilhas e passear de escuna. Sem falar que os preços das pousadas caem pela metade”, revela.

14. Entre no clima de São João. No mês de junho, o que mais acontece pelo Brasil são as típicas festas juninas, e Campina Grande, na Paraíba, é a cidade ideal para aproveitar bem as festividades de São João. De acordo com o Ministério do Turismo, estima-se que neste ano a festa receba a visita de 200 mil pessoas por dia. Realizada no Parque do Povo, do dia 4 de junho ao dia 1 de julho, a festa tem trios de forró, teatros, artesanatos, comidas típicas da região, além da tradicional quadrilha.

15. Tempo de meia-calça. Coloridas, estampadas ou com texturas, a consultora de imagem e estilo Bia Kawasaki aprova todas para a estação: “Das tendências de inverno, esta foi a mais forte, e deve ser usada, de preferência, com saia e botas de montaria ou com sapatos Oxford”.

16. Cintura ajustada. Outra peça que a consultora Bia Kawasaki aposta é a saia lápis, que marca bastante a cintura. “Ou até mesmo peças como blazer e vestido acinturados, tudo que marca bem esta parte do corpo deixa o look super chique no inverno”, revela.

17. Invista na jaqueta de couro.
A consultora de moda Manu Carvalho conta que a moda atual está bem mais democrática – com tendências minimalistas, grunges, rock’n’roll ou fetiche – e pode atender ao gosto da maioria. Mas se fosse escolher uma peça, ela apostaria na jaqueta de couro, que está em alta para homens e mulheres. “Neste inverno há muitas opções de modelos, então vale a pena o investimento”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.