A praia do José Menino é palco para diversas atividades em homenagem ao Dia Internacional da Mulher

A comemoração começou na quinta, com a reunião de mulheres surfistas em um bar para assistir o DVD da jornalista e vídeo maker Isabelle Nara, que percorreu o mundo filmando as mulheres brasileiras e estrangeiras destruindo ondas em competições nacionais e internacionais. As imagens fazem parte do projeto Ala Feminina, uma forma de divulgar a categoria e sua história.

Na areia
Depois do embalo de quinta à noite, a praia do José Menino passou a ser a sede da Rip Curl Girls Tour , ação promovida pela escola de surf do litoral paulista, entre o canal 1 e o Quebra-Mar. Várias aulas foram administradas até este domingo.

Na sexta-feira as alunas limparam as margens da ilha de Urubuqueçaba, localizada entre a divisa do Quebra-Mar e a praia do Itararé. Enquanto elas remavam em seus pranchões, os salva-vidas as acompanhavam em um bote. "Tem muito lixo preso na margem da ilha que precisa ter um pouco mais de atenção por parte da prefeitura para que não afete o ecosistema local", alertou o professor Roger Paiva.

Os sacos de lixo voltaram cheios e muitas garrafas pet e sacos plásticos entre outros itens foram retirados da ilha. Vale lembrar que muitas vezes, animais marinhos como tartarugas, muito presente na região, e golfinhos são vítimas depois de ingerirem sacos plásticos achando que são algas marinhas e morrem asfixiados.

No sábado à noite, dia 8, a comemoração aconteceu em um lual, com muita viola e frutas. Já no domingo, as meninas cairam na água para tentar surfar uma mesma onda e participar da quebra de recordes. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.