iG Delas

Colunistas

enhanced by Google
 

Mirna Zambrana

Construa e reforme com planejamento

Mirna Zambrana é formada em arquitetura e urbanismo pelo Mackenzie. Sócia de Aurélio Martinez Flores, tem vasta experiência em projetos residenciais e comerciais

Escada segura

Conheça as regras para a construção de degraus e corrimãos

08/03/2012 16:25

  • Mudar o tamanho da letra:
  • A+
  • A-
Compartilhar:

Foto: Divulgação Ampliar

Independente do material, é importante manter o mesmo padrão de medida em todos os degraus

Circulação, por definição, é o ato de se deslocar livremente. Na arquitetura, os espaços destinados a essa finalidade devem ser seguros ao movimento do ir e vir. A circulação vertical por meio de escadas ou rampas requer um conjunto de regras para minimizar o esforço físico.

No caso da escada, a medida dos degraus pode variar de 28 cm a 32 cm na pisada e de 16 cm a 18 cm na altura. Em residências, por exemplo, a largura da escada pode ser a partir de 90 cm, em locais pequenos. Claro que é melhor se puder contar com 1,05 m de largura. No espaço público essa dimensão deve ser calculada de acordo com o fluxo de pessoas a circular por ela e nunca é mais estreita do que 1,20 m, e preferencialmente, adotar 1,50 m como mínimo.

Confira 21 modelos de escadas surpreendentes

Esse dimensionamento é o mesmo para todos os degraus, ou seja, nunca se muda a medida nem do espelho nem do piso ao longo de todo o percurso da escada. O ritmo deve ser constante para não surpreender o transeunte e ocasionar uma queda.

Para os espaços públicos existem normas rigorosas a serem seguidas como a NBR 9050 ou NBR 9077. Nas residências unifamiliares é facultativo, porém, no que se refere ao conforto e à segurança, é adequado segui-las.

Renegado ou esquecido por muitos, o corrimão da escada – ou rampa – é item de fundamental importância para garantir a segurança e o conforto no trânsito vertical. Sua função de apoio e deslize das mãos determinam naturalmente seu formato e dimensões.

Sua altura correta é de 92 cm acima do piso. Os de formato redondo, devem ter diâmetro de 3 cm a 4,5 cm. Outros formatos são permitidos, desde que, a parte superior da peça seja arredondada. O espaço entre essa peça e a parede deve ter no mínimo 4 cm. Para permitir o correr das mãos, a fixação, se for feita na parede, deve ser por baixo da peça e não na sua lateral.

Leia ainda:
- Garanta a acessibilidade em casa


Os corrimãos embutidos na alvenaria devem deixar livre cerca de 15 cm acima da peça para a entrada da mão no nicho. A rigor, o comprimento do corrimão deve ultrapassar 30 cm após o último degrau, permitindo o apoio mesmo quando se está chegando ao término do percurso.

O material utilizado deve ser adequado ao toque. Em residências, uma boa opção é a madeira. Já no espaço público prevalece a necessidade da boa higienização, o que nos leva ao aço inox, ao alumínio ou ao ferro pintado.

 

Siga o iG Delas pelo Twitter e assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades

 

 

 

 

Sobre o articulista

Mirna Zambrana - jbianchi@ig.com - Mirna Zambrana é formada em arquitetura e urbanismo pelo Mackenzie. Sócia de Aurélio Martinez Flores, tem vasta experiência em projetos residenciais e comerciais

» Mais textos deste articulista

    Notícias Relacionadas


    [an error occurred while processing this directive]

    Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!




    *Campos obrigatórios

    "Seu comentário passará por moderação antes de ser publicado"

    Ver de novo