Separamos o que há de melhor e mais confiável atualmente no que diz respeito a seguro residencial para todos os bolsos

Acordo Ortográfico
Tudo bem que hoje em dia ninguém escapa de se sentir inseguro. Mas, principalmente em dezembro e janeiro, meses de férias em que muita gente vai viajar, a preocupação com assaltos se torna muito maior. No entanto, não se desespere, porque a cada dia são lançados mais artifícios pega-ladrão no mercado.

O que antes parecia uma parafernália de filmes, hoje em dia já é realidade. Guaritas, portões automáticos, leitura biométrica nas entradas, portas blindadas, sistemas de alarme, sensores infravermelhos, circuitos internos de TV, tudo é possível.

Até mesmo as câmeras, que já são utilizadas há bastante tempo, estão sendo reinventadas. Cada vez menores, podem agir sem sequer serem notadas. Para não estragar a decoração, os sistemas de alarmes sem fio são a melhor escolha.

VEJA GALERIA COM AS FOTOS DOS PRODUTOS

Até R$1.000

Para quem quer assustar, mas não quer gastar muito, existem até câmeras de segurança falsas, como a da Key West. Preço: R$15.

O teclado para controle de acesso da Morey é um sistema independente com senha de quatro dígitos e memória para até 94 senhas. Preço: R$ 50.

O alarme para portas e janelas da Key West oferece maior segurança por um custo bem acessível. Preço: R$10 cada.

Para captar movimentos dentro de casa, como os sensores infravermelhos passivos com lentes esféricas da Optex. Preço: R$10 cada. 

O Dome da Multitoc é utilizado para camuflar câmeras de segurança. Preço: R$ 20.

O sequencial da Multitoc permite sequenciar imagens de até oito câmeras em um monitor, ao mesmo tempo. Preço: R$ 60.

Câmeras pequenas (HDL) são baratas e eficientes. Preço: R$ 80.

Interfones (HDL) são úteis para selecionar o atendimento a porta. Preço: R$ 120.

Monitores, como esse da Coby, ajudam a visualizar imagens de câmeras de segurança. Preço: R$ 280.

O videoporteiro da Multitoc tem câmera com área de observação de 78º, tela de 4 polegadas e visão noturna. Preço: R$ 280.

Cofres eletrônicos são excelentes para guardar dinheiro, joias e documentos. Preço: R$ 400.

Para que a câmera possa enxergar em todos os ângulos, deve-se comprar um panoramizador, como esse da Multitoc. Preço: R$ 420.

Mais de R$1.000

Se você dispor de um pouco mais para gastar com a segurança da casa, também pode apostar nesses itens.

Leitores biométricos, como esse da Finger Tech, estão sendo cada vez mais usados não somente em empresas, mas também em prédios residenciais. Preço: R$ 1.200.

O novo modelo de câmera de segurança da HDL é a HMPRO. Tem 480 linhas de resolução e funciona dia e noite, mesmo com pouca luz. Preço: R$1.500.

A míni câmera da Prime (Schneider Electric) possui áudio e alcance de até 8 m de distância, gravação colorida e lente que ocupa um orifício de apenas 2mm de diâmetro. Preço: R$ 2.000.

A central da Cynthron é discreta e fica ligada às câmeras, enquanto a tela de cristal líquido em forma de interruptor permite visualizar áreas internas e externas, além de programar sistemas de som e iluminação da casa. Preço: R$ 3.900.


Leia mais sobre: segurança


Serviço
Coby
Cynthron
Finger Tech
HDL
Key West
Morey
Multitoc
Optex
Prime (Schneider Electric)
Techner

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.