Mantas impermeabilizantes são essenciais na hora de ter um jardim suspenso

Área do telhado é fator fundamental para a escolha da manta impermeabilizante
Reprodução
Área do telhado é fator fundamental para a escolha da manta impermeabilizante
Bonitos e ecologicamente corretos, os telhados verdes têm inúmeras vantagens na sua implementação.

Conforto térmico e represamento de água de chuva são apenas alguns dos benefícios de se ter essa cobertura vegetal. Mas, apesar da idéia de ter um jardim no teto parecer bastante simples, sua execução exige cuidados com a impermeabilização da laje, para evitar as temidas goteiras.

Pesquisar os tipos de impermeabilizantes disponíveis no mercado pode ser uma boa saída para que o projeto ecológico também seja viável e seguro. De acordo com o engenheiro Pedro Ricciardi, da Aquaproof, há diversas opções disponíveis.

Uma delas é a manta asfáltica pré-fabricada. “Ela é mais indicada para grandes áreas, sem muitos recortes, pois vem em rolos”, explica Ricciardi. Essa manta, que custa em média R$ 50,00/m2, deve ser aplicada com o maçarico para que as folhas sejam unificadas e não haja espaço por onde a água possa passar.

Caso o telhado verde esteja em uma área menor e cheia de recortes, Ricciardi indica o poliuretano. Essa cobertura, que é encontrada na forma líquida, não corre o risco de ter falhas nas emendas. Em compensação, o preço é um pouco mais alto, cerca de R$ 90,00/m2.

Tipo de base influencia na escolha

A impermeabilização deve ultrapassar a área do jardim para evitar vazamentos
Reprodução
A impermeabilização deve ultrapassar a área do jardim para evitar vazamentos

Daniel Turi, um dos idealizadores do Instituto iBiosfera, lembra porém que nem sempre esses tipos deimpermeabilização pode ser usado. “A manta asfáltica é aplicada à alta temperatura, mas não dá liga com a madeira.”

Nesse caso, ele recomenda o uso do PEAD (polietileno de alta densidade), material que já vem vulcanizado, ou seja, não requer emendas, e deve ser encomendado de acordo com a área a ser impermeabilizada.

Atenção aos detalhes

Garantir a impermeabilização é apenas um dos passos para evitar que o jardim suspenso dê problemas. De acordo com Turi, a impermeabilização deve sempre extrapolar o espaço do jardim, principalmente no caso das mantas, para que as áreas que estão em contato com o teto verde não acabem sofrendo infiltrações também.

“A emenda com o tubo de PVC (o chamado ladrão, que leva a água que está no telhado para a rede de águas pluviais) é um local propenso a dar infiltração”, afirma. Mas se mesmo tomando esses cuidados as goteiras começarem a aparecer, a melhor alternativa é buscar ajuda profissional.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.