Aprenda alguns truques para manter o rejunte do banheiro, da cozinha e até mesmo da piscina novos

Aplicar cera em pasta ou resina de mosaico no rejunte ajuda a mantê-lo com cara de novo
Getty Images
Aplicar cera em pasta ou resina de mosaico no rejunte ajuda a mantê-lo com cara de novo
Ambientes com azulejos e pastilhas quase sempre vêm acompanhados de desagradáveis manchinhas pretas que se formam com o tempo no rejunte. “Banheiros, cozinhas e lavanderias sofrem com a liberação de gordura, que fica impregnada nas emendas”, diz o William Aloise, diretor de marketing da Weber Quartzolit. Nesses casos, valer-se de um rejunte com tons escuros pode ser a primeira medida para minimizar futuros aborrecimentos.

De acordo com Aloise, os rejuntamentos à base de cimento apresentam certa porosidade natural, o que facilita o acúmulo da sujeira. O primeiro passo para evitar isso é não usar água sanitária na hora da limpeza. “Ela é corrosiva e corrói a superfície do rejunte.”

Outra alternativa é aplicar aditivos que reduzem a porosidade do material. Segundo a mosaicista Nalda Perrota, passar cera em pasta ou resina de mosaico diretamente no rejunte também tem efeito semelhante. “Isso forma uma espécie de película protetora.”

É hora da limpeza

Se o rejunte já estiver sujo, a solução é a limpeza pesada da parede, com a ajuda de detergentes neutros para que não haja agressão ao material.

Especializada em limpeza de piscinas, a empresa Mob Piscinas indica o uso de máquinas de jato d’água. “Mas a pressão deve ser moderada para não tirar o rejunte”, afirma o proprietário da empresa, Adalto Gomes.

Além da máquina, a empresa também utiliza ácido para limpeza da Sanlimp. De acordo com Gomes, o produto desmancha na água e é de fácil aplicação. “Mas se o rejunte estiver muito danificado, o ideal é recobrir o rejunte”, alerta.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.