De acordo com o relatório da ONU (Organização das Nações Unidas) divulgado esse ano na Tailândia, o Brasil precisa fazer três ações para conter o aquecimento global

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508108295&_c_=MiGComponente_C

As tarefas se baseiam em diminuir os desmatamentos ilegais, investir em energias limpas, como as fontes eólicas e a termosolar, e aplicar técnicas de eficiência energética para reduzir o desperdício de eletricidade, como investir no uso de lâmpadas econômicas.

A fabricante de lâmpadas Osram foi a primeira a receber a aprovação da ONU para o programa de redução das emissões de CO2 em países do terceiro mundo por meio do uso de iluminação mais eficiente. A empresa investe em pesquisa e tecnologia para o desenvolvimento de produtos econômicos, como a linha energy saving, halógenas e fluorescentes compactas.

Por isso, as lâmpadas Duluxstar, fabricadas pela Osram, ganharam um novo membro, a Duluxstar Classic A, cuja inovação está justamente no formato que se assemelha às lâmpadas incandescentes . Novidade também é a Classic B, cuja diferença está somente no formato, que é em vela. As lâmpadas fluorescentes da marca consomem 80% menos energia do que as lâmpadas incandescentes comuns e possuem uma vida útil 6 a 8 vezes maior.

Os novos modelos de fluorescentes compactas são ideais para aplicação em residências, principalmente em luminárias decorativas que deixam a lâmpada visível, fornecendo uma luz particularmente suave, além de se ajustarem a qualquer base de luminárias.

Agora não há mais desculpas! Já é possível iluminar sua casa com lâmpadas que têm o mesmo design das incandescentes, só que de modo a economizar energia e ajudar na preservação do meio ambiente. Bom para atender o gosto do consumidor no presente, mas que pensa no futuro.



Serviço:
Osram
SAC: 0800 55 7084
sac@osram.com.br

Leia mais sobre: lâmpadas econômicas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.