Planejamento e utilidade devem ser levados em conta ao montar o seu home office

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508152887&_c_=MiGComponente_C

É cada vez maior o hábito de montar uma estrutura de escritório para trabalhar na própria residência. E esta tendência está longe de ser um modismo. Por isso, muitas pessoas, na hora de construir ou reformar a sua casa, já colocam no projeto e no orçamento o cantinho para chamar de seu home office.

Cantinho para estudar

Mas na hora de planejar, pense na utilidade que você quer dar a este espaço. Quer um exemplo? O arquiteto e professor Manolo Vieches sugere que o home office do estudante seja montado no próprio quarto, sem a necessidade de se usar outro espaço da casa.

Considerando uma reforma básica, sem luxos, dá para fazer uma adaptação com uma média de R$ 1.000,00. É importante que a cadeira seja ergométrica, para a pessoa não ter problemas de coluna, e de couro, pois a durabilidade é maior. Isto custaria, em média, R$ 400,00, orienta Vieches. Também há o gasto com marcenaria, na fabricação de bancada e estante, o que sairia em torno de R$ 700,00. 

O custo maior ficaria com o computador e multifuncional, para quem não tem. Na opinião de Manolo Vieches, é importante pensar que, além de computador, o equipamento é hoje o rádio, a TV e a biblioteca do estudante, portanto, é importante investir em algo potente. Mas não se assuste, o valor de um bom computador, com multifuncional, não fica mais que R$ 3 mil reais. Com tela plana, por favor, para não estragar a decoração, brinca Manolo. 

Labuta no conforto de casa

Agora vamos pensar em quem quer trabalhar em casa. Ao contrário do estudante, neste caso é primordial ter um ambiente somente para esta atividade. O custo total pode chegar a R$ 10 mil reais. Não é caro, diz Manolo, pense que você não vai pagar mais aluguel de um escritório e não terá despesa com gasolina. O gasto aqui aumenta por que há muitos itens a serem considerado. Vamos a eles:

- Adaptação: R$ 2.000,00;

- Marcenaria, para a montagem de uma prancha de apoio de computadores, armários e um sofá, e uma mesa para reunião ou de apoio: R$ 2.000,00;

- mesas e cadeiras: R$ 1.000,00;

- 2 computadores com uma multifuncional: R$ 4.000,00;

Uma dica que Manolo dá para economizar na compra de computadores é acoplar outros acessórios ¿ teclado, monitor e mouse - em apenas uma CPU.  

E por fim uma dica para o, digamos, workalhoolic, que trabalha fora, mas leva serviço para casa. Basta usar parte de um ambiente, como quarto de empregada ou o próprio corredor para montar uma bancada com cadeira. E como a pessoa não trabalha sempre no local o melhor é investir em um laptop, opina Manolo. Custo total? R$ 3.000,00 reais com um laptop, R$ 400,00 com cadeira e R$ 200,00 com marcenaria. Está pronto o seu home office!


Leia mais sobre: home office

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.