Conheça as espécies mais caras que se pode ter no quintal de casa

Pouca gente sabe, mas um jardim pode ser um verdadeiro baú repleto de raros e dispendiosos tesouros. Isso se a espécie escolhida para dar brilho ao quinta estiver na lista das árvores ou flores mais caras do mundo, numa tabela que gira facilmente em torno dos R$ 10 mil por planta. “A raridade, o tamanho e tempo de viveiro podem influenciar no valor”, afirma Heitor Carreto, proprietário do viveiro Central das Mudas, em Valparaíso, interior de São Paulo.

Exóticas e caras

Originária de Madagascar, a Palmeira Azul pode ser encontrada por até R$ 4 mil
Divulgação
Originária de Madagascar, a Palmeira Azul pode ser encontrada por até R$ 4 mil
Esse é o caso de espécies como a Phoenix Canarienses, conhecida também como palmeira canarienses, cujo tronco largo parece trançado. De acordo com o paisagista Luiz Guilherme Oliveira, da Caza Paisagismo, a planta, originária das Ilhas Canárias, tem crescimento muito lento, o que eleva o preço da muda. “O metro do tronco chega a ser comercializado por R$ 7 mil.”

Segundo Ricardo Senges, dono do viveiro que leva seu nome, a canarienses caiu no gosto dos paisagista brasileiros, o que também ajudou a elevar seu preço. “Ela está na moda, mas sempre foi muito usada no Uruguai, principalmente na região de Punta Del Este.” Senges afirma que as unidades de Canarienses que são vendidas têm, em média, 10 anos e que, além do custo para o cultivo, o transporte também é outro fator que a encarece.

Outra espécie que foi trazida para o Brasil, só que em maior volume do que a Canarienses é a palmeira azul. Originária de Madagascar, esta espécie de palmeira é imponente, tem coloração azul acinzentada, folhagem farta e pode ser encontrada por até R$ 4 mil, a árvore com três a quatro metros de altura.

Segundo Odair Mendonça, proprietário do viveiro Odair Plantas, o preço elevado envolve vários fatores. “Ela demora para crescer e a germinação é muito complicada.” Além disso, Oliveira lembra que ela não aceita muito bem o replantio, o que aumenta o risco para quem a cultiva para fins comerciais.

A espécie conhecida como Baobá também é nativa da ilha de Madagascar, mas ainda é rara no Brasil, sendo mais encontrada em Recife e Natal. “O tronco de um baobá pode chegar a ter até 7 metros de diâmetro em 300 anos”, diz Oliveira. De acordo com o paisagista, um baobá de 2 metros chega a custa R$ 1,5 mil.

Tesouro nacional

Uma jabuticabeira adulta, dando frutos, chega a custar R$ 10 mil
Divulgação
Uma jabuticabeira adulta, dando frutos, chega a custar R$ 10 mil
Uma espécie nacional e que não perde em nada no quesito beleza e preço para as árvores exóticas é a jabuticabeira, cuja planta dando frutos chega a ser comercializada por até R$ 10 mil. “Entre as frutíferas, é a mais cara”, afirma Oliveira.
Apesar de ter ganho fama de cara, a variedade de preços da espécie é grande. “A jabuticabeira pode ser comprada em mudas de R$ 20 ou como planta formada, de 25 anos, o que eleva muito o preço”, diz Mendonça.

Para a responsável pelo viveiro Aleixo, Suzana Aleixo, o alto preço da jabuticabeira é uma questão de moda e de futebol. “Ela ficou muito mais cara depois que anunciaram que a casa que o Ronaldo [jogador do Corinthians] queria comprar tinha uma jabuticabeira que custava R$ 6 mil”, garante.

Uma espécie que não é nativa, mas se tornou comum em diversos cenários brasileiros é a palmeira real. A espécie, que foi trazida pela família real em 1808, ela também está no hall de plantas com preço elevado. De acordo com o produtor Odair Mendonça, uma palmeira real de 10 metros demora cerca de 15 anos para atingir essa altura e pode custar R$ 4 mil.

Pelo mundo

Na América do Norte, o preço de uma árvore de maple, espécie símbolo do Canadá, pode chegar a US$ 900, dependendo da espécie e do tamanho.
Já na Tanzânia, a mpingo (dalbergia melanoxylon), mais conhecida como madeira negra, está avaliada em US$ 25 mil por metro cúbico tal a sua raridade. Usada indiscriminadamente para a fabricação de móveis e instrumentos musicais, a planta, que leva de 50 a 70 anos para ser considerada adulta, está ameaçada de extinção.


Serviço:

Caza Paisagismo
Tel: (11) 4712-6355

Central de mudas
Rodovia Marechal Rondon, Km 577,5 – Valparaíso (SP)
Tel: (18) 9136-8878

Odair Plantas
Rodovia SP João Ribeiro de Barros, km 512, Chacara São José – Herculândia (SP)
Tel: (14) 3486-1660

Viveiro Aleixo
Estrada Tatuí-Iperó, Km 4 – Iperó (SP)
Tel: (15) 3266.1311

Viveiro Ricardo Senger
Estrada Montenegro – Montenegro (RS)
Tel: (51) 3632-0304

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.