Exposição tem como objetivo provar que os móveis clássicos são objetos de expressão ilimitada, apresentando novas experiências visuais

Acordo Ortográfico
A Clássica Design, reconhecida no mercado pela qualidade na produção dos originais do design internacional, realiza a terceira edição da sua mostra de decoração, que acontece até julho de 2009.

VEJA A GALERIA DE FOTOS

Direcionada para arquitetos, decoradores, designers de interiores e profissionais do segmento, a Mostra Clássica Design 2009 View Home Office é realizada no showroom da empresa, no Morumbi Sul, em São Paulo, em uma área de 1.500 m² e conta com mais de dez ambientes assinados por profissionais renomados e pelas estudantes Iliana Grinstein, Nancy Chang e Gabriela Atalla do Instituo Europeo di Design (IED) em uma parceria inédita da empresa.

Entre os arquitetos, figuram nomes como Carlos Rossi, Ricardo Rossi, Carlos Marsi, Glen Finch, Graziela Nivoloni e Maurício Arruda, Sabrina Gross Marques, Roberto Toffoli e André Cunha, Rafael Popovic e Aline Ostrowska, Cristina Menezes, Claudia Haguiara e Marcelo Noronha (Informov).

A idéia é provar que os móveis clássicos são objetos de expressão ilimitada, apresentando ao público novas experiências visuais na utilização, a partir do desenvolvimento de ambientações e aplicações ousadas e inéditas.

Alunos do terceiro ano do curso de interior design do IED, uma das escolas de design mais conceituadas do mundo, desenvolveram um ambiente para a Mostra Clássica 2008. O espaço foi apresentado como trabalho de conclusão de curso.

Conheça os ambientes:

Informov

Sóbrio, mas com um leve toque despojado. Sem abrir mão do conforto e da funcionalidade, os espaços foram projetados de modo que cada uma de suas funções ficasse bem definida, sem a necessidade de usar paredes ou qualquer outro elemento arquitetônico que delimitassem essas áreas. Para tal, foram projetados platôs em diferentes níveis, possibilitando assim a visualização de todos os espaços e móveis do ambiente, além de utilizar também muitos elementos de transparência, como vidros. Entre os móveis, destaque para as poltronas Egg e o sofá Le Corbousier.

Carlos Rossi

O espaço foi criado para que o visitante visualize um espaço diferenciado, onde ele encontra a qualidade de trabalho que um escritório convencional oferece, mas com o conforto e a informalidade que só uma casa tem. Para tal, o arquiteto optou por usar cores escuras no ambientes, com tonalidades que variam do preto ao grafite. Muitos livros dispostos pela estante compõem o ambiente, que também ganhou um lounge de espera para os momentos informais com os amigos. Quatro poltronas Egg receberam revestimento de veludo, o que reforça o ar aconchegante do ambiente.

Iliana Grinstein, Nancy Chang e Gabriela Atalla (Grupo IED)

O grupo Trilish, formado pelas alunas do terceiro ano do curso de interior design do Instituo Europeo di Design (IED), desenvolveu um ambiente bem leve e inspirado em duetos musicais. Com o nome "Mús", que vem de "música, foi pensado para um casal que mora e trabalha no mesmo endereço - ele, arquiteto e ela, estilista. O espaço é composto de sub-ambientes que criam uma mobilidade espacial, respeitando a interatividade e a individualidade do casal, gerando assim a harmonia entre eles. Compõem os espaços as mesas Charles Eames, a mesa dobrável Eileen Gray e a mesa Bonte, além das poltronas coloridas Charles Eames, feitas com materiais diferentes.

Roberto Toffoli e André Cunha

Cores fortes e envolventes marcam o bar da Mostra Clássica Design. O espaço foi desenvolvido para que o público se sinta muito bem e desfrute do conforto e do aconchego que o local oferece. Para denotar mais modernidade, as peças sofreram interferências que as deixaram ainda mais sedutoras, como a mesa D´Urso, a cadeira Lia e o sofá Pfister. O piso de ladrilho hidráulico endossa o estilo de bar e restaurante.

Glen Finch

O arquiteto Glen Finch preparou o home office para uma jornalista jovem que gosta de trabalhar em casa envolta a muitas revistas de decoração em um lugar amplo com ar de contemporaneidade. Para tanto, o profissional usou revestimentos melamínicos e naturais, fibras sintéticas e metais conjugados com vidro ou madeira. A proposta foi criar um ambiente clean, sofisticado e feminino. 

Claudia Haguiara

Para a ambientação da sala de estar, a arquiteta Claudia Haguiara se inspirou nos anos 70, fugindo da tecnologia avançada e mostrando como seria um espaço sem computador, i-pod ou plasma e apenas com máquinas de escrever, telefones e aparelhos de tv comuns. Para fazer valer este conceito, a profissional colocou cimento nos pisos e nas paredes e vinil e veludo nos estofados. Destaque para a enorme estante com cerca de 5.000 revistas, a poltrona Charles Eames com revestimento em vinil de cor forte e a distribuição de couchs, formando um grande sofá.

Carlos Marsi

O home office da estilista segue um conceito contemporâneo, moderno e sofisticado. Para criar um espaço aconchegante e funcional, o arquiteto usou mesa Charles Eames, cadeiras Delta, sofá Pfister, mesas Eileen Gray e banco Bertóia. Cada vez mais atento à questão ambiental, valeu-se de materiais como aço, vidro, Fórmica, tecidos sintéticos, além de materiais alternativos de revestimentos para compor seu espaço.

Sabrina Gross Marques

A proposta foi aliar o espaço de trabalho ao lar com conforto e com o uso de peças de designers consagrados. Além de um ambiente de inspiração para criações, o espaço funciona para atender clientes. Para isso, a profissional utilizou uma grande estante branca para livros e revistas, criou um canto para leitura na entrada do ambiente, em que aplicou adesivos em tons pastéis sobre vidro preto e revestiu o piso de Fórmica, poltrona Trevo em inox e mesas Saarinen, da Clássica Design. Merece atenção especial o painel na parede de fundo do espaço, feito com pastilhado de macieira com bordas em vidro preto.

Ricardo Rossi

O arquiteto Ricardo Rossi projetou o home office de um grande chef de cozinha internacional, que trabalha com eventos, tem restaurantes e faz diversas palestras pelo mundo. A idéia foi apresentar um espaço integrado, em que o gourmet possa usar uma pequena cozinha no seu escritório quando necessário, por motivos profissionais ou não. Como resultado disso, o arquiteto criou um ambiente clean e aconchegante, com total interação entre as pessoas, utilizando, por exemplo, a mesa Lucca da Clássica Design.  

Raphael Popovic e Aline Ostrowska

Despertar os sentidos do público foi a intenção da dupla. Para isso, os profissionais usaram e abusaram das formas geométricas e das cores fortes, como o vermelho e o verde. A forma geométrica predominante no ambiente é a Flor da Vida, encontrada no piso de ladrilho hidráulico e também no forro. Nenhuma interferência foi feita nos móveis da Clássica Design, já que a idéia foi realmente destacar as suas formas originais e conceitos. Dentre as peças escolhidas, destaque para a poltrona Girafa e para o couch Barcelona, com formas orgânicas e envolventes que se traduzem num abraço acolhedor.

Graziela Nivoloni e Maurício Arruda

Livre, leve e jovem. Assim é o home office projetado pelos arquitetos Maurício Arruda e Graziela Nivoloni. A dupla fez questão de assinar um espaço bem jovial e colorido que reproduz contemporaneidade. Para isso, foram utilizados materiais como o sisal, painel fotográfico, lustre de bambu e tecidos com toques naturais. Alguns dos móveis da Clássica Design que compõem o ambiente são a mesa Saarinen com tampo de freijó natural, poltronas FK e bancos Bertóia. Os arquitetos optaram por fazer algumas interferências bens inovadoras e arrojadas nas peças da Clássica Design, dando assim um ar atual aos clássicos.

Cristina Menezes

Cristina Menezes projetou um home office masculino com toques que variam do vintage ao contemporâneo. O espaço multiuso propõe momentos de leitura, trabalho e reuniões informais com uma adega à disposição dos convidados para as horas de descontração. Alguns dos móveis da Clássica Design sofreram interferências para seguir o estilo vintage, como a cadeira e a mesa Saarinen que receberam o brilho do dourado. Outros móveis escolhidos foram a cadeira Butterfly, o sofá FK em couro preto e a poltrona Charles Eames, entre outros. Todos em sintonia com materiais que compõem o ambiente, como o couro, o vidro e o mármore.

Mostra Clássica Design 2009 View Home Office
Endereço: Avenida Carlos Caldeira Filho, 1.631 ¿ Morumbi Sul
Estacionamento no local
Data: até julho de 2009
Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 9h às 17h30
Entrada gratuita para arquitetos, decoradores, designer de interiores e profissionais do segmento


Leia mais sobre: decoração

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.