Bancos e pracas de convivio acolhem os visitantes e permitem uma maior interac?o com a natureza

Respeitando o bosque existente e a situac?o de insolac?o resultante da projec?o das copas das arvores, o paisagista Alexandre Furcolin enriquece a vegetac?o do Jardim do Bosque, introduzindo especies aciadofilas, conhecidas tambem amigas da sombra.

O "palmito jucara", cientificamente chamado de Euterpe edulis, integra o ambiente com um papel socio-ambiental. Envolvidas por uma fita preta, e a forma de levar o protesto contra o desmatamento de palmitos, cortados ilegalmente em todo pais. Alem disso, ocorre durante o evento a distribuic?o de mudas e folhetos explicativos.

O Jardim do Bosque promete ainda outras surpresas, como a utilizac?o de especies com folhagens exuberantes. Bancos e pracas de convivio acolhem os visitantes e permitem uma maior interac?o com a natureza recem-implantada.

Decks em madeira frisada, oriundas de pinus de reflorestamento e os tons naturais, garantem a soberania da natureza. Participando pela segunda vez no evento, Furcolin acredita que e uma oportunidade impar de mostrar seu trabalho ao lado de outros profissionais. "Nos coloca a prova", define o paisagista.


Leia mais sobre: Casa Cor

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.