Aprenda algumas dicas e saiba como garimpar peças bonitas e de qualidade para decorar a sua casa

Acordo Ortográfico
Visitar feiras de antiguidades pode ser uma ótima opção de passeio, mas pode se tornar uma roubada se você não souber o que está comprando e por quanto. Resumindo: pode acabar levando gato por lebre.

VEJA A GALERIA DE FOTOS

Como boas escolhas dependem apenas de conhecer o que se está levando, convidamos Doris Sochaczewski, da Coisas da Doris, para dar algumas dicas durante um passeio pela feira da Praça Benedito Calixto.
Logo no começo do passeio, Doris avisa: para vir aqui, o primeiro requisito é colocar um tênis bem confortável, boné e passar o filtro solar.

Depois, defina qual é o foco. Se procura algo específico, vá direto nas bancas que vendam o que quer. Procure todas as opções, pesquise preços e, uma vez que definir o produto que quer levar, pechinche. Os vendedores sempre acabam cedendo e dando algum desconto.

Como Doris já conhece a feira, sabe bem onde comprar certos objetos. Durante o passeio, ela procurou por colheres de prata e conseguiu achar boas opções, ou até mesmo de prata de lei, que são mais baratas. Caso você não conheça o material, pergunte ao vendedor do que se trata e se ele pode comprovar o que está dizendo. Por exemplo, se ele disser que o objeto veio de tal país, procure por alguma inscrição que comprove.

Vale lembrar que nem tudo o que é barato será uma boa escolha, e o contrário também é válido. Se gostar mesmo de uma peça, não tenha medo de pechinchar, pois sempre conseguirá levar por um preço mais em conta.

Durante a visita, Doris encontrou um armário que seria perfeito como mostruário em sua loja, mas ficou em dúvida por causa do preço (R$180). Depois de algum tempo de conversa com a vendedora, ela conseguiu baixar o preço para R$150, e depois para R$120.

Existem também alguns itens que podem ser boas escolhas, mas não aparentam. Um exemplo são as molduras antigas que, mesmo quebradas, têm muito valor. Se a pessoa gostar assim, não precisa nem restaurar, diz Doris.


Leia mais sobre: decoração


Coisas da Doris - Al. Ministro Rocha Azevedo, 834 - (11) 3083-1962

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.