Sua casa está meio sem graça, sem cor, sem vida? Saiba que apenas com um tecido diferente você pode mudar este clima!

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508106991&_c_=MiGComponente_C

E nem precisa ser uma reforma geral em todos os estofados da casa. Aquela cadeira velha de guerra revestida com um pano novo, contrastando ou combinando com o resto da decoração, pode virar o ponto focal do ambiente e fazer tudo ficar com cara de novo!

O mercado de tecidos para decoração está sempre recebendo novidades. Entre as minhas favoritas estão os padrões folhagens, vinhedos e tropicais.

Mas é necessário ter critério na escolha do melhor tecido para o seu lar. Antes de começar, preste atenção nas cores básicas da sua casa e tente encontrar harmonia entre o estilo da sua mobília e as texturas disponíveis no mercado. Veja essas dicas:

Para seguir um estilo moderno e limpo: os padrões lisos são ótimos, porém com texturas diferentes! Opte por couros lisos, camurças, chenilles, linhos, sarjas e voils.

Para um estilo clássico: as estampas não podem ser muito coloridas, uma boa idéia é misturar listrados com bordados sobre jacquards, desde que tenham o tema em comum.

Para um estilo sóbrio e requintado: utilize sedas, veludos e toques de tecidos acetinados.

Para um visual natural e confortável: já pensou em fibras e jutas? Elas estão  em muitas construções de tecidos e podem ser usadas em forrações (de baixo) de sofás e poltronas, almofadas, puffs, cabeceiras de camas, etc.

Divirta-se com as texturas e cores, experimente, inove... Sua casa agradece, e os moradores também!


Mariana Cecchini é arquiteta e urbanista pela FAU-USP, com certificados em lighting design e hotelaria. Especialista em reformas e projetos de interiores. Possui escritório próprio em São Paulo desde 1998. Clique para visitar o site dela .

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.