Eleger a opção perfeita faz toda a diferença. Saiba como comprar o modelo mais indicado para cada ambiente

O tapete deve estar em sintonia com a decoração do ambiente (projeto de Estela Netto)
Divulgação
O tapete deve estar em sintonia com a decoração do ambiente (projeto de Estela Netto)
Um bom tapete pode mudar completamente os ares de uma casa. A peça é responsável por garantir conforto, aquecer a morada e deixá-la ainda mais bonita. “É imprescindível. Todo lar deve receber modelos que estejam em sintonia com a decoração”, diz a arquiteta Renée Sbrana.

Escolher a opção ideal é uma tarefa simples, mas exige atenção. Há uma infinidade de cores , materiais, texturas e formatos disponíveis no mercado, o que pode causar dúvida no momento da compra. “Não entre em desespero. Vá com as medidas do espaço em mãos e analise qual se encaixará melhor em determinado cômodo”, afirma a arquiteta Marina Conde.

Não há mistérios. Segundo Renée, algumas lojas chegam a deixar que o cliente leve o tapete escolhido para casa para testar “in loco”. “Você pode ficar um dia com ele. É a melhor maneira de descobrir se aquele é o ideal.”

Confira outras dicas dos profissionais:

Equilibre as texturas
Segundo Marina, os modelos de náilon são ótimas escolhas, já que oferecem uma manutenção simples. “Além de ter uma grande variedade de cores e desenhos, também é excelente para quem tem crianças pequenas , pois é antialérgico”, comenta. Saber equilibrar as texturas em um único ambiente é outra atitude fundamental. “Não misture muitas tramas. Tente trabalhar com a mesma matéria-prima”, afirma Francesca Alzato, designer de tapetes e sócia-proprietária da By Kamy.

Não exagere nas texturas

Estampas devem ser usadas com moderação, como no projeto da arquiteta Estela Netto
Divulgação
Estampas devem ser usadas com moderação, como no projeto da arquiteta Estela Netto
As estampas, de acordo com a arquiteta Estela Netto, devem ser usadas com moderação. “Os desenhos estão em alta, mas nem sempre são fáceis de combinar com a cortina e com o sofá. Cuidado com o exagero. Apenas uma peça deverá ser o destaque”, ressalta.

Na sala de estar
Na sala, o tapete deve se enquadrar no espaço entre os sofás e as poltronas (projeto de Dado Castello Branco)
Divulgação
Na sala, o tapete deve se enquadrar no espaço entre os sofás e as poltronas (projeto de Dado Castello Branco)
O modelo deve se enquadrar no espaço entre os sofás e as poltronas – deixe apenas 10 cm de sobra nas extremidades e sob o sofá. “A peça nunca pode ser menor”, alerta Renée. A textura é outro quesito que merece atenção. “Como recebemos muitas pessoas no ambiente, é importante pensar no conforto. Os de seda natural, bem macios, são ótimas escolhas”, afirma Francesca. Os fininhos são mais recomendados, pois facilitam o trânsito.

Na sala de jantar
O tapete deve ser resistente ao tráfego e oferecer fácil manutenção. Os modelos de fibras naturais são ótimas opções, pois absorvem melhor a sujeira. “Dê preferência aos tons mais escuros”, diz Francesca. O tamanho também é importante – deve ser igual ou maior do que a mesa. Passadeiras por baixo das cadeiras são bem-vindas.

Nos quartos
No quarto, os tapetes felpudos e confortáveis são mais indicados
Divulgação
No quarto, os tapetes felpudos e confortáveis são mais indicados
Se em ambientes com alto tráfego os tapetes fininhos são mais indicados, nos quartos, os felpudos reinam pelo conforto que oferecem. O tamanho e a forma de dispor os modelos podem variar. É possível colocá-lo sob a cama e deixar 50 cm de sobra de cada lado. Também vale optar por tapetes pequenos nos três lados da cama (laterais e pé). “As passadeiras são boas opções”, diz Francesca.

No banheiro
Os mais recomendados são aqueles que exigem pouca manutenção e têm alta durabilidade. Os de poliéster e os de vinil são boas ideias. O tamanho deve ser escolhido de acordo com as proporções do ambiente.

Manutenção
Em todos os casos, é fundamental limpar o modelo corretamente. Uma lavagem anual e um banho de sol a cada três meses é recomendável. Mude, ainda, o tapete de lugar com frequência para evitar que a peça fique desgastada em determinadas áreas.


Serviço:

By Kamy
Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 1147 – São Paulo (SP)
Tel.: (11) 3081-1266

Estela Netto
Tel.: (31) 3264-6427

Marina Conde
Rua Tabapuã, 888, conjunto 12/14 – São Paulo (SP)
Tel.: (11) 3078-5648

Renée Sbrana
Rua Iguatemi, 284, casa 3 – São Paulo (SP)
Tel.: (11) 3071-3252

Siga o iG Delas pelo Twiiter e fique por dentro das novidades em Decoração

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.