Soluções para melhorar o dia a dia são apresentadas na terceira Bienal Brasileira de Design

O Brasil é destaque internacional em várias atividades, do tradicional futebol e Carnaval, à moda, arte e arquitetura, que aos poucos foram ganhando espaço. Agora, parece ser a vez de o design conquistar seu lugar ao sol.


Conheça alguns projetos apresentados na Bienal



Este movimento acontece no dia a dia, quando designers brasileiros se sentam em suas mesas de trabalho e pensam novos projetos, estratégias, materiais, usabilidade, processos produtivos, modelos de comercialização e reciclagem. Tudo isso é fundamental, já que todas as áreas do design - mobiliário, utilitários, moda, acessórios, gráfico etc - colaboram para melhorar nossa complexa vida contemporânea.

E tudo isto é possível se ver na terceira Bienal Brasileira de Design, que acontece até 31 de outubro, Curitiba (PR). Nas nove mostras que compõem o evento, cujo tema é “Design, Inovação e Sustentabilidade”, está apresentada toda a brasilidade contemporânea: de materiais e processos de transformação, até produtos que explicitam a necessidade de se ter novas e mais adequadas soluções. Elementos-motor da criatividade nacional.

Como bem comentou a Adélia Borges, curadora geral da Bienal, o evento está sendo “a celebração do melhor momento do design brasileiro”. Avaliação unânime entre observadores e participantes da cena nacional e internacional.

Entre os designers participantes estão Alfio Lisi, Bernadete Brandão, Fabíola Bérgamo, Miriam Korolkovas, André Cruz, Fernando Mascaro, Fred Hudson, Pedro Franco, Ronald Kapaz e Sergio Fahrer. Todos compartilhando o momento, trocando idéias e criando oportunidades para dar continuidade a seus trabalhos.

A expectativa da organização é receber 250 mil visitantes nos próximos 40 dias. Mas quem não puder ir à Curitiba também poderá ter uma amostra das exposições pelo site www.bienalbrasileiradedesign .


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.