A 15ª edição do reality show vale-se de cores neutras nos ambientes para valorizar ainda mais os participantes

Em 2015 somente a estrutura da casa dos “brothers” continua a mesma.  A decoração e a divisão de espaços do local mudaram radicalmente do que já se via na edição passada. Os tons vibrantes da versão de 2014,  foram substituídos por tons de cinza contrastando com variações de marrom e laranja. “Nesse ano, as áreas sociais, como a sala e a cozinha, e mesmo o quarto do líder, foram decoradas com  cores neutras , o que deixa a casa mais tranquila e zen”, explica a arquiteta Thalita Myawaki, co-fundadora do escritório de arquitetura EFTM.

Acompanhe todos os momentos do BBB 15

Além disso, os tons neutros, como o cinza e o bege, proporcionam maior liberdade para variar a decoração de tempos em tempos, deixando o foco da atenção para os detalhes. Caso do tapete listrado que se tornou a grande estrela da sala do BBB 2015. “A base neutra facilita a composição com elementos (luminárias, quadros e peças de decoração) que tenham tons e formas mais marcantes”, conta Isis Marcondes, sócia do escritório Somatoria Arquitetura. A ver 

Além disso, a combinação de estilos também marca a decoração da casa do BBB 2015. “Vemos tanto peças rústicas quanto móveis modernos convivendo em harmonia”, diz Thalita. Exemplo claro é o quarto com ares de cabana destinado ao líder. Redeada por revestimentos de pedra e madeira, uma banheira semitransparente com design arrojado se destaca sobre o deck de madeira, que "permite a passagem dos canos necessários para garantir a funcionalidade do projeto”, explica a arquiteta. 

Nos demais quartos, a decoração segue extremos opostos. Em um deles, tons vivos de laranja predominam, causando, propositalmente, maior agitação e incômodo aos participantes. "As molduras escuras colocadas ao redor dos espelhos e quadros ajudam a quebrar a intensa vibração em um ambiente que deveria trazer relaxamento", explica Isis. 

Já o outro quarto, em bege e azul, traz naturalmente a tranquilidade que se busca na hora de dormir. Detalhes em amarelo suave fazem o contraponto e trazem um toque de alegria ao ambiente.

Na cozinha unida à sala, a mesa redonda de vidro que fez parte das outras edições foi substituída por uma versão retangular de madeira, com cadeiras de diferentes modelos. “A composição é bem atual, principalmente quando traz modelos desenhadas por designers famosos”, explica Thalita.

Maior do que nas edições anteriores, a academia surge com paredes pintadas em tons vibrantes. “Como o local é agitado e feito para atividades físicas, quanto mais cores, melhor. A formas geométricas dão ainda mais intensidade ao ambiente”, completa a arquiteta.

    Leia tudo sobre: Casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.