Quadros, estantes e papel de parede podem deixar a área de passagem ainda mais criativa e funcional

O corredor tem duas funções decisivas em uma casa: conectar e distribuir os ambientes. Mas a área de passagem não precisa ser sem estilo ou função. Só tomando o cuidado de não atrapalhar a circulação. “Aproveite para ocupar bem as paredes ”, afirma a arquiteta Elaine Gonzalez, do escritório UMM Arquitetura, de São Paulo (SP). Esse preenchimento pode ser feito de diversas formas: com tintas coloridas, grafites, papel de parede, quadros, pôsteres, prateleiras altas, nichos e até espelhos. “A ideia é que as pessoas possam apreciá-lo enquanto caminham”, ressalta a arquiteta Maite Maiani.

Molduras coloridas com espelhos, lembranças e fotografias podem dar um ar mais jovem ao ambiente . “Conferem charme e cor sem ocupar muito espaço”, diz a designer de interiores Laura Santos, de Belo Horizonte (MG). É possível misturar diferentes estilos de quadros, como provençal, moderno, reto ou orgânico. Uma dica simples para acertar na composição dos quadros na parede é testar os posicionamentos em um pedaço generoso de papel craft (pode apoiá-lo no chão mesmo) então marcar a combinação que mais lhe agradar com a caneta, contornando as peças. Depois, basta colar o papel na parede e fazer os furos usando as marcações como base.

Para valorizar esses e outros itens dispostos pela alvenaria, Maite sugere o uso de pontos de luz direcionados e equipados com lâmpadas quentes, como a dicroica. “A difusa pode ser utilizada na iluminação geral”, recomenda. Prateleiras baixas e móveis pontiagudos não são benvindos, pois podem machucar quem passa pelo local.

Cores dão vida a todos os projetos, mas podem prejudicá-los caso não sejam escolhidas corretamente. As escuras, na opinião de Maite, podem deixar o corredor pesado. “Dê preferência aos tons neutros ou vibrantes”, recomenda. O preto pode ser usado em detalhes, como lousas. As adesivas são mais práticas e estão em alta na decoração. Assim, não é preciso pintar o ambiente – e você pode trocar tudo facilmente quando enjoar. Os papéis de parede e adesivos também são boas opções e podem ser comprados em papelarias. Às vezes, um detalhe ou uma faixa bastam para trazer mais charme.

Outra dica é apostar em grafites . Desenhos e frases pintados diretamente na parede criam uma atmosfera descolada e surpreendem os convidados. Alguns dos profissionais que passaram a apostar na ideia são os artistas Zezão, Highraff e Felipe Young (o Flip), que possuem estilos diferentes. O ilustrador Giuliano Martinuzzo tem se destacado neste setor por fazer desenhos orgânicos a mão livre em casas e ambientes comerciais. A arte assinada por ele dá profundidade aos espaços, ideal para corredores.

Caso a reforma inclua marcenaria, no entanto, por que não substituir a alvenaria por uma divisória feita com armários? “É uma boa alternativa para ter espaço para guardar as coisas e ainda deixar a casa mais organizada”, diz a arquiteta Eliana de Sousa. Contratar empresas especializadas e com um bom portfólio é fundamental para evitar dores de cabeça no futuro.

Leia também:
- Aproveite melhor as paredes
- Saiba como decorar quartos de adolescentes

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.