Tramas naturais e flores ajudaram a arquiteta Ana Luisa Prévide a trazer mais frescor aos ambientes do imóvel paulistano

Projetar um imóvel sofisticado com ar tropical era o objetivo da arquiteta Ana Luisa Prévide. O apartamento de 700 m², localizado no bairro Ibirapuera, logo ganhou tramas naturais e decoração mista de clássico e moderno. Mas antes de começar os trabalhos, a arquiteta precisou definir aspectos estruturais. Ambientes integrados ganharam espaço , assim como a valorização da luz natural . “Quis ganhar amplitude, por isso, abri ainda mais as portas e integrei a varanda com o living. O bom aproveitamento da luz solar diminuiu a necessidade de acender luzes durante o dia”, afirma.

Veja ainda: Casa Cor São Paulo 2014 tem ambientes com muita madeira e cores terrosas

O tropicalismo do projeto foi marcado por uma parede-viva de orquídeas e a presença de  diversas plantas espalhadas pelos ambientes . Na varanda integrada, o destaque foi a trama de bambu, feita à mão, e o ventilador com pás de fibras que a arquiteta instalou no teto. O espaço ainda recebeu cachepôs de madeira frejó para abrigar orquídeas atrás do sofá. A estética clássica apareceu nos pórticos de mármore travertino instalados na divisão dos espaços. Já o living do apartamento, contou com peças robustas de madeira maciça e um aparador projetado pela própria arquiteta, além de obras de arte do acervo da cliente.

Na sala de jantar, chama atenção a parede revestida por espelhos recortados em losangos, com bisotê de um centímetro nas extremidades. A decoração do espaço ganhou inclusive a presença sofisticada de um lustre veneziano com gotas de cristais Swarovski que a cliente trouxe de sua antiga residência. O estilo clássico do apartamento foi marcado por cores claras e neutras nos ambientes, sendo o branco e o creme os tons de maior impacto. E nem mesmo a porta de entrada do imóvel escapou da personalização. A arquiteta projetou aplicações de losangos de madeira e um puxador arredondado, tudo exclusivo para a situação.

A decoração de Ana Luisa valorizou o estilo provençal, repleto de tecidos floridos
Divulgação
A decoração de Ana Luisa valorizou o estilo provençal, repleto de tecidos floridos

Outro aspecto valorizado por Ana Luisa no projeto foi a praticidade. A cozinha de cores pastel recebeu nichos embutidos na ilha, organizadores de pratos nos armários e uma pequena bancada acoplada à pia. O ponto alto do ambiente de estilo provençal , no entanto, foi o roda-teto de ladrilho hidráulico colorido. “A moradora gostava muito de cozinhar e procurei caprichar no espaço. Também quis funcionalidade e recorri ao modelo de ilha para que ela conversasse com quem estivesse sentado”, afirma. A tropicalidade do espaço foi expressa não somente pela escolha das cores, mas também pelos móveis de madeira e palhinha da mesa de almoço.

Os quartos do imóvel receberam decoração com tecidos bordados e muitas tramas naturais (principalmente nas cortinas). No quarto do casal, cômodas bombê e abajures com aplicações de folhas de ouro trouxeram a sofisticação necessária. A arquiteta buscou também a sensação de conforto no projeto luminotécnico do apartamento. Investiu em lustres e outras peças requintadas, além de apostar no LED em vários ambientes do imóvel.

Saiba mais:

Como usar fotografias além do porta-retrato

Tenha um home theater perfeito para curtir a Copa do Mundo

Conheça os arquitetos preferidos de Cauã Reymond e Claudia Abreu

    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.