Giselle Ouchana busca na expressividade do estilo moderno uma saída para decorar sua casa de 1.000 m² na Serra da Cantareira

Decorar é algo que não causa medo na dentista Giselle Ouchana da Vinha. Até mesmo no projeto de construção de sua casa, localizada na Serra da Cantareira, ela marcou presença. “Queria uma fachada moderna e expressiva. Desenhei o que tinha em mente e passei para a arquiteta. Já a piscina, risquei no próprio chão o formato planejado”, afirma. A obra durou um ano e meio e, quando finalizada, teve início a decoração.

Volte à matéria principal: Sozinhas, elas decoraram como na revista

Giselle tirou algumas ideias de revistas e, apesar de não seguir uma linha específica, buscou apostar em uma linguagem moderna e colorida. “Era minha primeira aventura neste ramo. A casa dos meus pais tinha ares rústicos e eu desejava mudar um pouco”, diz. Espelhos e panos de vidro foram espalhados pelos ambientes e muito branco foi colocado na sala – que ainda recebeu peças com estampas de animais.

Móveis coloridos também chamam atenção no projeto da dentista. As peças em roxo, laranja e preto foram cuidadosamente garimpadas em diversas lojas. O trabalho de reformar a casa de 1.000 m² demorou seis meses até chegar ao final. “Meu marido confiou em minhas escolhas e há muito espaço para ser decorado. Vivo comprando novas peças como poltronas e aparadores”, diz.


Saiba mais:

Adapte móveis e acessórios para decorar sem gastar muito

18 regras para reduzir o acúmulo de sujeira dentro de casa

Como tirar mudas de plantas adultas


    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.