Mais espaço no banheiro

Drible a pequena metragem dos banheiros com alguns truques simples e charmosos

Daniela Morás, especial para o iG

Com a valorização das áreas sociais nos novos projetos arquitetônico, tem restado ao banheiro o desafio de ser charmoso, confortável e útil mesmo quando restrito a espaços mínimos.

Para ajudar nessa mágica, vale a pena apostar em alguns truques de decoração e arquitetura. O primeiro passo é optar por cores claras tanto nos revestimentos quanto nos móveis, para ganhar sensação de amplitude.

No projeto de Maitê Maiani, valorização da iluminação natural vinda da janela e box em vidro transparente. Foto: DivulgaçãoPara liberar o box, Paula Gambier criou um nicho na parede para guardar o xampú. Foto: DivulgaçãoA porta de correr economiza centímetros preciosos no banheiro criado por Paula Gambier. Foto: DivulgaçãoNo projeto de Maitê Maiani, valorização da iluminação natural vinda da janela e box em vidro transparente. Foto: DivulgaçãoNo banheiro projetado por Paula Gambier, o branco predomina nos gabinetes e louças sanitárias. Foto: Divulgação

Trazer a iluminação natural ou investir em um bom projeto luminotécnico também é uma saída poderosa, garante a arquiteta Maitê Maiani, responsável pela reforma de um banheiro de 1,50 m x 2,5 m. “Aproveitamos os revestimentos claros – no caso, o mármore crema - para rebater a luminosidade que vinha de uma janela grande”, diz

Portas de correr

Substituir as portas tradicionais por um modelo de correr também é uma alternativa interessante e moderna para economizar alguns metros. Foi o que fez a arquiteta Paula Gambier no banheiro de 4,5 m2, anexo ao pequeno closet do quarto de uma adolescente. “Com a porta de correr pude aumentar o tamanho da bancada de 0,80 cm para 1,30 m”, explica.

Essa não foi a única mudança para otimizar o espaço. “Na parede do box, abri um nicho para colocar o xampú e o sabonete”, conta Paula. A abertura foi revestida com pastilhas coloridas para dar um toque diferenciado frente aos azulejos e gabinete brancos.

Mas antes de criar um buraco na parede ou pendurar qualquer estrutura, é importante descobrir a posição exata do encanamento para não ter problemas de vazamento.

A solução também foi usada pela arquiteta Denise Abdalla para trazer uma “linguagem mais jovem” ao banheiro de 4 m² em preto e branco. “A ideia era fazer uma coisa bem prática e optei pelo P&B porque, quando o filho crescesse, o banheiro continuaria bonito”, explica.

Para ganhar espaço, Denise tirou o bidê que havia no projeto inicial e instalou uma ducha higiênica, dando mais espaço para a bancada, que ficou com 1 metro. A área de banho, revestida com vidrotil para dar contraste de texturas e tons ao ambiente, também ganhou alguns centímetros a mais, ficando com quase um metro de largura. 

Outro detalhe que, segundo Paula, faz toda a diferença é o rodapé alto. “Neste projeto ele tem 20 cm e torna o banheiro mais leve e elegante.”.

Atenção aos formatos e posicionamentos

O formato das louças sanitárias também influencia no resultado final do banheiro. “Não adianta comprar uma cuba bonita sem ter certeza de que ela é adequada ao espaço que você tem disponível”, alerta a arquiteta Andrea Kherlakian, do escritório K3.

Para melhorar a circulação em um banheiro de 2,5 m2, por exemplo, Andrea substituiu a cuba redonda de 30 cm de diâmetro entregue pela contrutora por outra retangular, de semi-encaixe. “Você consegue colocar essa cuba em um tampo de 35 cm, ou seja, menor do que os tradicionais de 50 cm”, explica Andrea.

Outras soluções simples e de grande efeito na hora de deixar o banheiro mais bonito e espaçoso é instalar prateleiras no lugar do tradicional gabinete, revestir as portas de eventuais armários acima da bancada da pia com espelho e apostar em vidros transparentes no box. 

 

Leia tudo sobre: Banheiro pequenopouco espaçobanheiroarquitetura

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG