Arquiteto Phillip K Smith III recorre a espelhos, iluminação LED e equipamentos personalizados para reformar casebre e transformá-lo em obra de arte

A proposta do artista e também arquiteto Phillip K Smith III era transformar um casebre de madeira em um local descolado para a realização de um evento. A paisagem desértica em Joshua Tree, Califórnia, trouxe a inspiração necessária para Smith criar um projeto baseado em ilusão de ótica e luz e reformasse a casa com mais de 70 anos, transformando-a em obra de arte. Batizado “Lucid Stead”, o trabalho contou com espelhos, iluminação LED e equipamentos personalizados que conferiram invisibilidade ao imóvel instalado em um terreno de 50 mil m².

Veja ainda: Conheça a Casa Bola por dentro

Pra obter o efeito de invisibilidade parcial desejado, Phillip K Smith III intercalou espelhos e placas de madeira na fachada da casa, permitindo que, durante o dia, a areia do deserto e o céu sejam refletidos, confundindo o olhar de quem passa. Durante a noite, um sistema eletrônico controla a emissão de luzes coloridas apenas nas portas e janelas da casa, criando outra estimulante e minimalista forma para o imóvel imerso na escuridão. A obra de arte arquitetônica foi tão bem recebida que mais de 400 pessoas visitaram o local em apenas uma semana.


Leia também:

Os erros mais comuns no projeto da casa de praia

Planeje a reforma da casa pela internet

Coleção Arquitetura da Lego já pode ser encontrada no Brasil


    Leia tudo sobre: casa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.