Publicidade
Publicidade - Super banner
Comportamento
enhanced by Google
 

Moda pet ganha desfile

No São Paulo Fashion Pet, moda para os bichos ganhou destaque nas passarelas

AFP |

Cães tiveram em São Paulo seu momento de astros da passarela, e, sob flashes, desfilaram a moda pet de inverno, uma excentricidade, a exemplo dos sorvetes e pratos gourmet com que brasileiros mimam seus animais de estimação e alimentam um mercado que fatura milhões de dólares.

Yasuyoshi Chiba/AFP
Cão desfila na passarela do evento São Paulo Fashion Pet

Às vésperas da Semana da Moda de São Paulo, a "São Paulo Fashion Pet" mobilizou inúmeros estilistas, tosadores e fotógrafos, empenhados na realização deste desfile organizado há cinco anos pela cadeia de lojas Pet Center para promover a moda pet de inverno e verão.

"Vamos lá, Tiffany!", anuncia o apresentador na entrada de uma elegante cachorrinha Lhasa apso de longo pêlo sedoso, enfeitado com pompons, uma das muitas estrelas do show.

"Trago a Rebeca todas as semanas para tomar banho e ser tosada. Ela se saiu muito bem no desfile, apesar de ser um pouco tímida", comenta a orgulhosa dona, Elza Cruz, enquanto faz carinho em sua pequena Yorkshire vestida com um modelito vermelho com raiados brancos.

Veja mais sobre pets no canal Bichos

A Pet Center, com seus 14 megapet shops espalhados em São Paulo, é um bom exemplo de um mercado que, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria do Pet (Abipet), faturou em 2011 mais de 12 bilhões de reais (6 bilhões de dólares) com os cerca de cem milhões de bichinhos de estimação - cães, gatos, aves, peixes, entre outros - existentes no país.

Como exemplo dos mimos com que os proprietários tratam seus mascotes, a empresa Ice Pet elabora sorvetes para cachorros e gatos "com ingredientes naturais e exclusivos", conforme afirmam em seu site.

Segundo estimativas da Fenapet, a Feira Nacional de Produtos e Serviços para a Linha Pet e Veterinária, o Brasil tem mais de 100.000 pontos de venda de produtos para animais de estimação e ocupa o quarto lugar mundial em termos de população de bichinhos domésticos.

Fabio Guinalz
Cachorros desfilaram no São Paulo Fashion Pet

"Os brasileiros já estão em segundo lugar no ranking de consumo de produtos para mascotes, apenas atrás dos americanos", afirma a Fenapet em um relatório sobre o mercado brasileiro.

Pelas ruas brasileiras, existem inúmeros pet shops com serviço de veterinária, estética ou alimentação e uma vasta linha de xampus, tratamentos de hidratação, proteção solar, tosas estéticas, roupinhas, sapatinhos, cobertores, caminhas e brinquedos, tudo para satisfazer os caprichos dos mimados animais, ou de seus próprios donos.

"Os brasileiros gostam de seus cachorros bem 'produzidos'", explica William Galharde, o estilista responsável pelo pêlo cheio de glamour da "pet-model" Tiffany.

Leia também:
"Moicano do Neymar" e outras tosas mais pedidas nos petshops
Hidratação marroquina e tranças para pets são tendências do verão

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG