O clima frio convida a usar fragrâncias mais intensas. Veja nossa seleção de perfumes e as dicas de especialistas

O inverno chegou e, com ele, o momento de tirar o cachecol do armário, testar novas receitas de sopas e redescobrir o conforto do edredon. Mas a estação também é o momento propício para usar fragrâncias diferentes. "No inverno, podemos ousar mais nos perfumes", recomenda a especialista em perfume Renata Ashcar. "O fato é que a temperatura faz com que o perfume exale de forma mais intensa. Por isso, para cada estação, temos perfumes mais indicados".

*Preços pesquisados em junho/2014

Se o verão pede perfumes mais leves e frescos, como os cítricos, os florais frutais, as lavandas e os florais verdes, o inverno permite fragrâncias mais densas. "No inverno, como o clima é mais frio, podemos usar perfumes mais intensos, encorpados e quentes", diz Renata.

A dica é investir nos produtos mais adocicados ou gourmands, os orientais e os com notas amadeiradas e de especiarias, "ingredientes que ficam por mais tempo na pele, dando uma personalidade ainda mais marcante à fragrância", orienta Renata.

Marcia Sant’ana, professora do curso A Cultura do Perfume, da Faculdade Santa Marcelina, indica as notas oriental gourmand com toques de caramelo e chocolate, oriental floral, chipre floral e floral flores brancas. "Os perfumes de inverno podem ter notas mais gustativas e flores mais opulentas para os femininos".

E não precisa ser especialista para entender e identificar as tais famílias olfativas. "Mesmo uma pessoa leiga consegue diferenciar um perfume cítrico, que é mais fresco, de um perfume mais doce ou floral", garante Marcia. Ela explica que, muitas vezes, marcas como Natura e Avon usam linguagens mais simples que a linguagem técnica, composta de famílias e subfamílias olfativas. "Não podemos nos esquecer ainda que cada casa de fragrância acaba tendo a sua própria classificação e muitas vezes há discordância entre os próprios avaliadores".

As formas de descrever um perfume são diversas, podendo ser divididas pelo odor (floral, frutal, cítrico), matérias primas (baunilha, cedro, bergamota, jasmim), percepção sensorial (doce, amarga, suave, intensa) e os efeitos fisiológicos e psicológicos (calmante, purificante, energizante).

Renata também acredita que é fácil identificar as fragrâncias e, assim, construir um repertório. "Observe alguns perfumes que você já usou - e gostou, é claro - e veja quais são os ingredientes predominantes, pergunte na loja ou pesquise na internet. Você com certeza irá encontrar outros perfumes dentro da mesma direção olfativa que te agradam", aconselha. "Perfume é como roupa, acaba refletindo também o estilo da pessoa".

E, para usar o cheiro escolhido com elegância, a dica é não exagerar na aplicação, "invadindo o espaço do outro". "Um perfume tem que ser marcante, mas sutil ao mesmo tempo. A elegância está na atitude e postura, o perfume somente dá o toque final", diz Marcia.

Também deve-se levar em consideração o clima da região onde vive e o horário em que usará a fragrância - durante o dia, é melhor diminuir a quantidade. "A exceção é para as fragrâncias exclusivamente noturnas, que são intensas e marcantes e pedem uma produção sofisticada. Use o perfume de acordo com a ocasião. E no inverno, o clima é mais sedutor, pode abusar um pouco na dose!", recomenda Renata.

A especialista diz que os perfumes duram mais em pontos de maior pulsação, como o pulso, a nuca e atrás dos joelhos. Não é preciso dar mais que uma borrifada em cada ponto. Já Marcia Sant'ana acredita que não existe regra na hora da aplicação. "Cada um cria a sua melhor forma de passar perfume". Para ela, tudo é válido, desde aplicar nos pulsos a borrifar o perfume no ar e entrar na "nuvem" de cheiro. "Pode ser criativo, mas sem exagerar na dose. Também é recomendável variar o perfume para o olfato não ficar saturado com aquele cheiro e muitas vezes nem perceber que abusou", indica.

Como encontrar os perfumes indicados pelos especialistas
Ana Hickmann: 0800 550203
Balmain: 0800 970 9877
Beyoncé: 0800 77 33 450
Cacharel:0800 701 7323
Calvin Klein: 0800 7725500
Cartier: 0800 970 9877
Dolce & Gabbana: 0800 7725500
Giorgio Armani: 0800 701 7323
Juicy Coulture: SAC@elizabetharden.com
Katy Perry: 0800 77 33 450
Lancôme: 0800 701 7323
O Boticário: 0800 41 3011
Police: 0800 7733450
Racco: 0800 789 10 11
Taylor Swift: 0800 776 7575
Tous: 0800 772 5500

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.