O cirurgião plástico Dr. Alexandre Passos esclarece dúvidas das leitoras relacionadas à cirurgia plástica

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508740334&_c_=MiGComponente_C

Gostaria de fazer uma cirurgia plástica na barriga, mas sou fumante. Quais podem ser os problemas? Tenho condição de fazer? ¿ Mara

Mara, a sua pergunta é muito importante. Cirurgia Plástica e tabagismo não combinam. Praticamente todas as cirurgias plásticas dependem da cicatrização e da viabilidade de retalhos. O que é isto? Para modelarmos sua mama, abdome, face, e outros, realizamos um descolamento da pele dos tecidos mais profundos. Este tecido que solta dos planos é o retalho, o qual é nutrido por vasos muito pequenos.

O uso crônico do cigarro machuca estes vasos e quando precisamos deles para nutrirem a cirurgia, eles não são saudáveis e levam pouco oxigênio e outros nutrientes, podendo acarretar na morte de tecido, ou seja, na necrose.

Além destes efeitos crônicos do cigarro existe o efeito imediato, aquele que acontece logo após o seu uso, principalmente oriundo da nicotina, que é o fechamento momentâneo dos vasos (vasoconstricção). Imagine o organismo tentando mandar nutrientes para o retalho e você impedindo a passagem com o uso do cigarro; isto também pode levar à necrose.

Como você viu, existem dois efeitos principais do fumo nos pacientes: o crônico, o qual não conseguimos mais interferir (só com alguns anos sem cigarro ele pode ser revertido parcialmente) e o efeito agudo, que pode ser evitado para a cirurgia.

Portanto, Mara, se você quer realizar a sua cirurgia de abdome, deverá se comprometer com seu médico a parar de fumar pelo menos 15 dias antes e quinze dias depois da cirurgia, para evitar os efeitos agudos do fumo, porém o crônico fica difícil quantificar, podendo assim levar a complicação mais frequente nos pacientes fumantes, que é a necrose de tecidos.

Vale ressaltar, que um cirurgião plástico habilitado, saberá avaliar você em relação aos seus riscos e lhe indicará a cirurgia adequada.

Você tem dúvidas sobre cirurgia plástica? Envie um email com sua pergunta para plasticavoce2.0@ig.com.br !

*Alexandre Piassi Passos é cirurgião plástico formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. É membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBPC). Atua em sua própria clínica - a Clínica Passos de Cirurgia Plástica - e também pertence ao corpo clínico de hospitais como Sírio Libanês, Oswaldo Cruz e Albert Einstein. Tem trabalhos publicados em periódicos nacionais e internacionais e é autor e co-autor de capítulos em livros científicos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.