Sim, a técnica pode trazer resultados maravilhosos contra a ação do tempo, aumentando a elasticidade da pele e devolvendo o viço e a tonicidade

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508745660&_c_=MiGComponente_C

Qual mulher nunca se preocupou com a ruguinha que cisma em sair no cantinho do olho ou da boca? Umas mais outras menos, o fato é que todas nós queremos ficar o mais longe possível de marcas de expressão. Para isso, a indústria da beleza também investe pesado e cada dia somos surpreendidas com novos ativos, cosméticos e aparelhos capazes de devolver alguns anos à nossa cútis.

E a acupuntura, a técnica milenar das agulhas, também pode ser uma grande aliada nesta luta contra o envelhecimento. Entre os efeitos mais específicos há um aumento da síntese de fibras colágenas e elásticas, que vão melhorar a elasticidade da pele ¿ e assim, a acupuntura reduz as rugas de expressão e reduz a flacidez, explica o médico Alex Botsaris, sócio fundador do Instituto de Acupuntura do Rio de Janeiro.

Menos 10 anos
Os resultados para a derme e para o bem-estar geral já aparecem nas primeiras sessões com as agulhas. Quando se trata de acupuntura, você sempre recebe mais do que se espera, ganhando também o equilíbrio geral. No final da sessão facial, os clientes relatam que se sentem mais felizes, revigorados e muitas dores corporais sumiram, comenta a esteticista Blanch Marie, formada em Medicina Chinesa e massoterapia.

São necessárias em média 10 sessões, sendo uma por semana, para rejuvenescer a pele. A esteticista diz que dá para remoçar em até 10 anos. A resposta à acupuntura é muito individual e depende de muitos fatores ¿ desde a específica daquela pessoa, passando pelo nível de fotoenvelhecimento até os seus hábitos de vida, pondera Alex Botsaris.

Com todos os aspectos favoráveis e com estilo de vida saudável, é possível sim retroceder no tempo. Podemos ter respostas muito significativas ¿ como a de uma pessoa que fica parecendo 10 anos mais nova. Mas existem outros casos com resultados não tão bons, argumenta o médico.

O tratamento não dói, como muitos podem pensar, não tem efeitos colaterais e não deixa a pele marcada ou avermelhada. As rugas e sinais de expressão são vistos pela Medicina Complementar como desequilíbrios energéticos do organismo que devem ser tratados. Muitos dormem durante a sessão, já que o estímulo de pontos causa uma sensação de tranquilidade, equilíbrio e paz interior, afirma Blanch Marie.

Ponto certo
Sem efeitos colaterais, a acupuntura estética facial só não pode ser feita por quem feridas no local da aplicação, tendência a formação de queloides ou use marcapasso. O resultado depende fundamentalmente do profissional saber localizar pontos com precisão para cada região, como testa, lábios, queixo, diz Alex Botsaris.

Quem tem medo das agulhas pode optar pelo tratamento com eletrodos. Blanch Marie diz que os resultados são tão bons quanto. Já Alex Botsaris discorda e prefere não substituir. A eletroacupuntura é um estímulo intenso, ele desequilibra mais do que equilibra. Depois, há o relato de alguns pacientes que desenvolveram tics ou espasmos faciais, porque a musculatura da mímica é muito mais sensível que a corporal, finaliza.

Leia mais sobre: rejuvenescimento

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.