Inspirada em tradições milenares, a sacerdotisa russa Nayada ensina a usar a maquiagem para controlar a energia e o humor; aprenda a fazer quatro looks diferentes

Usar a maquiagem para valorizar os pontos positivos do rosto e disfarçar os negativos é básico. Mas você já pensou em usar a maquiagem como um instrumento de poder feminino? É o que sugere a maquiagem sagrada. De acordo com a teoria, inspirada em tradições milenares, a maquiagem certa pode atrair sorte, fortuna e amor, além de dar harmonia aos chakras e estrutura à aura.

“As mulheres costumam se maquiar para atrair parceiros e para causarem uma boa impressão, mas a maquiagem é mais do que isso. Ela serve para controlarmos nossa energia e nosso humor e expressarmos nosso eu verdadeiro”, diz Anna Dar, ou Nayada, nome da sacerdotisa russa que, em visita ao Brasil, ministrou um workshop de maquiagem sagrada no interior de São Paulo.


Nayada cria maquiagens elaboradas para rituais: depois de fazer os desenhos no rosto, medita e dança sozinha, a fim de conectar-se com o divino, com os astros e com seu lado espiritual. Segundo a vertente seguida por Nayada, a face está conectada aos chakras e aos astros, por isso cada traço, cor e feição destacados trazem uma vibração diferente.

Alguns dos princípios básicos da maquiagem sagrada se assemelham ao visagismo e à cromoterapia. No entanto, enquanto essas teorias seguem o lado racional do ser humano, a maquiagem sagrada é estritamente espiritual.

“O olho direito está conectado ao Sol e o esquerdo, à Lua”, explica a sacerdotisa. Fora isso, os lábios são conectados a Vênus, as sobrancelhas a Júpiter, as bochechas e queixo a Marte e por aí vai. E ainda: “Traços retilíneos e ascendentes são solares, já as curvas descendentes são lunares”, explica Nayada.

Além do ritual
A maquiagem sagrada não precisa ser usada apenas em rituais e meditações. Os princípios podem ser adaptados para o dia a dia, de forma a levar o poder da maquiagem para as ruas.

Para começar, Nayada recomenda que cada mulher conheça a si mesma e respeite o que é de sua natureza: “Há uma tendência a dizer que a mulher deve usar o mínimo de maquiagem, que ela deve ser natural. Mas, para algumas pessoas, o natural é ser colorido e chamativo, é isso que a alma delas pede e é isso que a maquiagem sagrada ensina”, explica.

A partir daí, vale prestar atenção em o que cada parte do rosto significa. Por exemplo: se você quiser se mostrar determinada, marque o blush no osso da bochecha, que está ligada ao planeta Marte. Se quiser seduzir, marque os lábios, que estão conectados a Vênus. Se quiser criatividade, reforce as sobrancelhas, que são ligadas a Júpiter.

Além disso, os traços também comunicam coisas diferentes. Se quiser levantar o astral, experimente passar o delineador nos olhos com um traço retinho e ascendente, para cima. Se a ideia é buscar um clima mais calmo, faça linhas mais curvas e suaves, e use formas mais arredondadas, menos angulosas.

Maquiagem sagrada na história
“No Antigo Egito, a maquiagem era restrita aos sacerdotes e terminantemente proibida para pessoas comuns”, explica Nayada. Muito além de ornamento, os pigmentos aplicados à face dos religiosos egípcios tinham como objetivo conectá-los aos deuses e divindades que regiam o mundo.

Mas não é só no norte da África que Nayada encontrou sua inspiração: xamãs de diversas tribos, budistas e outras religiões também influenciaram os princípios da maquiagem sagrada.

“Em algumas culturas, os sacerdotes pintam o rosto emulando elementos da natureza. Por isso fazem um olho de gato, ou no formato de uma folha, tudo depende com qual elemento eles querem se conectar”, conta. 

As pinturas de guerra, típicas de tribos por todo o mundo, também têm seu papel na conexão com a energia da alma, mas, neste caso, são os homens que se beneficiam. “A maquiagem sagrada é feita pensando no poder feminino e nas mulheres, mas os homens também podem experimentar com pinturas de guerra para se motivarem antes de sair de casa, no seu próprio ritual”, sugere Nayada.

Agradecimentos
Renata Esotico - modelo
Espaço Taíra - (11) 2384-9255


    Leia tudo sobre: Maquiagem
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.