As unicas restric?es de Raphaela foram doces, refrigerantes e bebidas alcoolicas

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=delas%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237508722090&_c_=MiGComponente_C

Raphaela da Silva Carvalho e uma enfermeira do Rio de Janeiro que conseguiu chegar ao peso que queria. Hoje, com 26 anos, a moca de 1,65m de altura esta 22 kg mais magra, depois de um periodo de 9 meses, apenas diminuindo as quantidades do que comia. Raphaela, que vive na capital carioca, despediu-se dos 82 kg e, agora, com 60 kg, diz: N?o sabia que era t?o bom ser magra!

No comeco, segundo ela, foi dificil se adaptar as novas quantidades, mas seu segredo foi n?o desistir. Logo, eu me acostumei. Mesmo porque, n?o deixei de comer nada, apenas diminui a quantidade e deixei de lado a bebida alcoolica, os doces e os refrigerantes . Como substituta para a sobremesa, Raphaela escolheu uma fruta. E o refrigerante ela trocou por aguas gasosas com sabor, que n?o tem calorias.

Eu mesma tomei a iniciativa, depois que percebi que minhas roupas n?o estavam mais entrando. Outro motivo foi que eu sentia muitas dores no peito e, ao procurar um cardiologista e fazer todos os exames, o medico falou que o meu problema era estar obesa, apenas isso, lembra-se. Mais um fator importante foram as aulas de nutric?o que eu assisti na faculdade, e que me incentivaram.

N?o seria a primeira vez que Raphaela iria fechar a boca para normalizar seu peso, mas, mesmo assim, ela insistiu. Fui em frente, mesmo achando que n?o conseguiria. Afinal, ja tinha tentado muitas vezes. Mas dessa vez seria diferente... Minha dieta e feita de comidas normais: arroz, feij?o, frango ou carne grelhados, p?o integral, sucos e frutas..., exemplifica ela. Outro habito que adquiri foi o de sempre comer uma fruta entre as principais refeic?es.

No final do ano, na faculdade, ano seguinte, toda a turma ja sabia que se reveria no no casamento de uma das colegas. Esse tipo de festa era triste... Ja deixei de ir a varias por n?o conseguir uma roupa que ficasse bem , conta Raphaela. Eu estava no comeco da minha dieta e disse para a noiva e para as minhas amigas que iria magra ao casamento. As ferias comecaram e a moca n?o esqueceu da promessa que fez.

N?o vi ninguem durante esse periodo e, chegando a igreja, todo mundo ficou chocado. Fui ate o carro da noiva, junto com uma outra convidada. Minha amiga que estava casando perguntou quem eu era, para a nossa colega. Quando ela soube que era eu, ficou impressionada... n?o tinha me reconhecido, conta. E, nesse dia, ela n?o foi a unica a n?o saber quem era a tal convidada magrinha.

Essa foi so uma das maravilhas que o novo corpo fez com a vida da enfermeira. Mudou muita coisa: gosto de me maquiar , de me cuidar e n?o tenho mais problemas para ir a formaturas, casamentos ou qualquer outra festa. Alias, eu odiava comprar roupas. Hoje, adoro. Sou muito mais vaidosa.

De quebra, Raphaela ainda ganhou um namorado . Antes, eu n?o tinha. Quando fiquei magra, pintou um. E para completar a transformac?o, como nos filmes de Sess?o da Tarde, Raphala trocou os oculos por outros mais modernos, passou a usar os cabelos soltos e tirou o aparelho dos dentes. Simplesmente, fiquei tudo de bom!, brinca.

Leia mais sobre: Historias de Sucesso

*Receba essa e muitas outras noticias no seu celular. Envie igmoda para 49094.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.