Escolher um perfume para presentear pode ser uma tarefa difícil. Especialistas dão dicas do que levar em consideração na hora da compra e acertar em cheio no dia das mães

Comemorado no segundo domingo de maio, o Dia das Mães é uma daquelas datas que não dá para deixar passar em branco. Escolher um presente nem sempre é fácil, ainda mais se a opção for um perfume, tão pessoal e subjetivo.

O primeiro passo para não errar é observar e entender o perfil e o estilo da sua mãe. Renata Aschar, especialista em perfumes e autora do livro “Brasilessencia: A Cultura do Perfume”, afirma: “O perfume, assim como a moda, reflete um gosto pessoal. Tente descobrir alguns perfumes que a presenteada gosta e já usou para, na hora de compra, optar por outros na mesma direção olfativa”.


VEJA AS INDICAÇÕES DAS ESPECIALISTAS PARA PRESENTEAR AS MÃES


Para a professora do curso A Cultura do Perfume, da Faculdade Santa Marcelina, Marcia Sant’ana, presentear com um perfume pode, ainda, despertar grandes emoções. “São duas coisas totalmente relacionadas, e os perfumes podem expressar aquilo que, muitas vezes, não conseguimos dizer às nossas mães”, comenta.

O gosto olfativo está relacionado à memória olfativa, ensina Veronica Kato, perfumista da Natura. Por isso, vale a pena relacionar os aromas de que sua mãe gosta e correlacioná-los com as fragrâncias. Marcia afirma que os perfumes, geralmente, são classificados por famílias olfativas e, dentro das femininas, existem as cítricas, florais, orientais e chipres.

“Para cada uma dessas famílias, existem as subfamílias, que ajudam a definir as notas principais dos perfumes. No caso das florais, por exemplo, temos as frutais, aquáticas, flores brancas, rosa e violeta, lavanda, amadeiradas e por aí vai. Cada indústria de fragrância e perfume acaba tendo a sua própria classificação olfativa, mas, no geral, elas são bastante parecidas”, resume a professora.

Encontre o estilo da sua mãe
Pensando em diferentes perfis, as três especialistas deram dicas sobre o que levar em consideração na hora da compra. No caso das mães que adoram cozinhar, por exemplo, Renata aconselha perfumes com musk, que costumam ficar por mais tempo na pele. “Aposte também em outros ingredientes mais encorpados e com acordes orientais, compostos por baunilha e madeiras”, diz.

A especialista fala ainda sobre as fãs de doces. “Aposte nos perfumes gourmands, caracterizados por usar tons que enchem a boca d’água, caso da baunilha, do chocolate e do praliné, uma amêndoa doce torrada, ou ainda nos perfumes orientais, que trazem entre seus ingredientes especiarias.”

Nas esportistas, caem bem as fragrâncias refrescantes, que convidam a se energizar e passam sensação de bem-estar, segundo Veronica. “Ou, então, um perfume alegre e divertido, que melhore o humor e motive a energização do astral.”

Perfumes mais marcantes, da família chipre – uma combinação de notas cítricas de bergamota e madeiras, como patchouli e musgo de carvalho –, e com toques de frutas e flores são as indicações de Marcia para as executivas.

A professora também sugere opções elegantes e refinadas para as mães mais tradicionais: “Os florais mais intensos, como os aldeídicos.” Esses últimos são responsáveis por aromas mais penetrantes e marcantes, de longa duração.

Os perfumes para as românticas, de acordo com Renata, devem ser delicados, revelando esse seu lado apaixonado. “O romantismo de todas as mulheres pode ser revelado por meio de fragrâncias com acordes florais frutados, que, além de serem superfemininos, trazem o frescor e a suavidade das frutas”, afirma.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.