Quer curtir o verão sem perder a dignidade? Reunimos dicas de especialistas para evitar cabelo oleoso, pele brilhando e beleza prejudicada

Praia, sol, piscina, bronzeado: muita gente espera o ano inteiro para que o verão chegue só para poder curtir as delícias da estação. No entanto, nem tudo é perfeito e, nessa época do ano, a beleza sofre com a exposição aos raios solares e altas temperaturas.

Pensando em quem adora curtir os meses mais quentes do ano e, ainda, ficar bonita, o Delas conversou com a dermatologista Daniela Lemes, a maquiadora Naya Vital e o cabeleireiro Claudio Buarte, do C.Kamura, para pegar algumas dicas de como continuar diva mesmo longe do ar condicionado.

Aaaaah o verão: tão bom para o humor, tão ruim para a beleza! Mas a gente ensina como enfrentar os meses mais quentes sem cabelo oleoso e pele mal cuidada
Getty Images
Aaaaah o verão: tão bom para o humor, tão ruim para a beleza! Mas a gente ensina como enfrentar os meses mais quentes sem cabelo oleoso e pele mal cuidada


Adote o xampu a seco
No verão, por causa do calor, a pele costuma ficar mais oleosa e suada. O couro cabeludo não é exceção, o que acaba se refletindo em cabelos com aparência de sujo. Se você estiver na rua e na pressa, um pouquinho de xampu a seco dá uma levantada no visual. O talco também funciona, mas tem que ser usado com parcimônia.

Prender os cabelos
Coques bagunçados e rabos de cavalo são perfeitos para manter o estilo e o frescor nessa estação. Embora o cabelão solto seja marca da brasileira, o preso é a melhor pedida porque evita que a nuca, as costas, o colo e o rosto fiquem em contato com os fios, o que aumenta a produção de suor e de oleosidade.

Aprenda com Flávia Flores sete jeitos diferentes de usar lenço na cabeça
Edu Cesar
Aprenda com Flávia Flores sete jeitos diferentes de usar lenço na cabeça

Usar piranhas e lenços
Ok, prender o cabelo é a pedida certa da estação, mas não vale usar qualquer elástico que você encontra por aí - muito menos os de escritório! Piranhas e lenços são as melhores opções porque não agridem nem tensionam tanto os fios. O cabelo muito esticado dificulta a transpiração do couro cabeludo e pode também acelerar a queda dos fios.

Hidratar sempre
Mesmo que o cabelo fique mais oleoso no verão, não é permitido abandonar a hidratação, principalmente se você tiver alguma química no cabelo. Seja no salão ou em casa, máscaras reparadoras e reconstrutoras são fundamentais para recuperar os danos causados pelo sol. Muitas marcas têm linhas especiais para o verão, vale a pena pesquisar.

Lavar os cabelos sempre que preciso
Embora a sabedoria popular diga que o cabelo não pode ser lavado todo dia, ele aguenta sim essa frequência de lavagem. No verão, o excesso de suor acidifica os cabelos e o couro cabeludo, acumulando mais resíduos e detritos. Por isso, se você sentir que seu cabelo está pesado, não hesite e corra para o chuveiro.

Usar spray de água salgada
De manhã, antes de sair para a rua, experimente borrifar um spray de água com sal nas raízes do cabelo. O sódio segura a oleosidade e a transpiração, além de dar aquele visual surfista desencanada. Mas vá com calma: o uso repetitivo do spray pode ressecar muito os fios, igualzinho aos mergulhos no mar.

Não passar as mãos nos cabelos
As mãos são repletas de sujeira e oleosidade. Quando você corre os dedos pelos cabelos ou apoia o rosto nas mãos, transfere toda essa meleca. O resultado é ainda mais oleosidade nos fios e na face. Lavar as mãos com frequência também é uma boa ideia.

Usar chapéus
Chapéus são ideais para o verão porque protegem dos raios solares e são cheios de estilo. Procure modelos de materiais frescos e que possibilitem a respiração e transpiração do couro cabeludo, assim, a cabeça não fica abafada, o que resultaria em mais oleosidade e suor.

Pegue leve com a maquiagem
Mesmo que você seja viciada em maquiagem ou precise usar por motivos profissionais, tente diminuir a dose no verão. Quanto mais produto colocamos no rosto, maior é a dificuldade da nossa pele respirar e mais os nossos poros ficam obstruídos com resíduos. Isso significa mais espinhas e cravos.

Mas, se for usar maquiagem, que seja à prova d’água
Para quem trabalha muito na rua, o suor pode ser o pior inimigo de um look bacana. Por isso, investir em rímel, lápis e delineador à prova d’água é uma ótima ideia. Esses produtos, além de resistirem à água, sobrevivem ao suor por mais tempo. Usar corretivo com pó compacto abaixo dos olhos também segura mais a maquiagem.

Maquiagem HD não é só para estrelas de TV - veja o antes e depois
Edu Cesar/Fotoarena
Maquiagem HD não é só para estrelas de TV - veja o antes e depois

Usar produtos HD
Os produtos hd costumam ter pigmentos e textura mais finas que os convencionais. Por isso, obstruem menos os poros e acumulam menos nas linhas de expressão. Desse modo, a pele consegue respirar melhor e surgem menos cravos e espinhas.

Lavar o rosto com mais frequência
Lavar o rosto antes de dormir e ao acordar é sempre necessário, mas, no verão, o hábito deve ser feito com mais frequência. Além do suor e da oleosidade, os filtros solares (que você deve sempre usar) deixam resíduos que obstruem os poros e podem levar à acne.

Usar sabonete líquido adstringente
Além de lavar mais o rosto, é interessante mudar o tipo de sabonete que você usa na face. Os sabonetes líquidos são ideais porque evitam acúmulo de sujeira no próprio produto. Se sua pele for mista ou oleosa, invista nos adstringentes, que eliminam grande parte da oleosidade, limpando com maior profundidade.

Usar produtos matificantes
Bases, corretivos, pós e primers podem ser encontrados no mercado com a textura mate. Mesmo que você use produtos mais cremosos e brilhantes durante o ano, no verão os produtos sequinhos são a melhor pedida. Além do aspecto mais agradável, eles costumam sobreviver mais à oleosidade e ao suor.

Sempre carregar lencinhos que tinham a oleosidade
De uns tempos para cá, várias marcas começaram a investir nos blot papers, lencinhos especialmente desenvolvidos para absorver a oleosidade sem tirar a maquiagem. Para usar, pressione a folha de papel no rosto nas áreas brilhosas, sem esfregar. Se você não tem acesso a esse produto, carregue lencinhos de papel para um efeito similar.

Usar produtos com aloe vera
Passeando pelas prateleiras de farmácias Brasil afora, é possível encontrar protetores e loções pós-sol com aloe vera. O extrato dessa planta tem efeito calmante sobre a pele e o aroma refrescante ativa neurotransmissores associados ao frio, fazendo seu cérebro achar que não está tão calor assim (mesmo que por 5 minutinhos).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.