A morena venceu 26 concorrentes e foi consagrada como dona do bumbum mais bonito do País em evento em São Paulo. Prêmio é de R$ 5 mil, além do título

Ela não era a favorita do público: na votação popular, Dai Macedo ficou em segundo lugar. Mas para o juri especializado, que elegeu na noite da última quarta (13) a Miss Bumbum Brasil 2013, não deu outra. A representante do Estado de Goiás conquistou o título e o prêmio de R$ 5 mil. 

A final do concurso aconteceu em um salão de convenções de um hotel em São Paulo. As 15 finalistas, eleitas pelo voto popular, desfilaram, dançaram e esbanjaram sensualidade tentando provar que eram donas do bumbum perfeito, conquistado com muita dieta, malhação e um pouco de genética, claro.


A campeã Dai conquistou o bumbum perfeito - de fartos 107 cm- com muito suor e disciplina. “Sou muito preocupada e me cobro demais”, ela declara. “Nos últimos meses, me preparando para o concurso, cheguei a malhar até aos sábados e domingos”.

A campeã Dai Macedo conquistou o bumbum perfeito - de fartos 107 cm - com suor e disciplina
Edu Cesar
A campeã Dai Macedo conquistou o bumbum perfeito - de fartos 107 cm - com suor e disciplina

O bumbum de outro mundo estava lá, claro, mas o que fez Dai se destacar? Ela fugiu do padrão por exibir cabelos lisos, negros e presos em um falso moicano com tranças de raiz: a maioria das candidatas era loira e tinha fios ondulados. Seu desfile de moda praia também inovou: com uma espécie de saia estruturada, Dai entrou na passarela “batendo asas” como uma borboleta dourada.

Com o prêmio, a morena de 25 anos pretende investir em um curso de teatro, pois sonha em ser atriz ou apresentadora e não quer perder a exposição que conseguiu com o concurso.

A vice-campeã, Eliana Amaral, que representa Pernambuco, também é ambiciosa, mas pretende seguir um caminho diferente do da primeira colocada. Estudante de Direito, Eliana quer ser advogada e conta que se sentiu um pouco como uma estranha no ninho no meio das concorrentes, pois seu grande objetivo não é uma carreira na televisão.

A herdeira de Andressa Urach admite que a exposição é benvinda, mas quer deixar uma marca própria na história do concurso. “Admiro muito a Andressa e sei a responsabilidade de manter seu legado, mas quero que saibam quem é a Eliana”, declara.

Já a terceira colocada levou dois prêmios para casa. Jéssica Amaral, que representava o Pará, foi escolhida pelas outras 14 garotas como Miss Simpatia da edição 2013 do Miss Bumbum e foi pega de surpresa quando recebeu as duas faixas. Sobre seu futuro, Jéssica declara se inspirar muito em Andressa e quer aproveitar ao máximo a fama que vem conseguindo com seu bumbum.

Mencionada por todas as candidatas como uma inspiração, Andressa Urach foi a apresentadora do evento. A loira, que dessa vez exibiu mais decote que derrière, deu algumas dicas para quem quer ter um corpo digno do concurso. “Enquanto estava n’A Fazenda, comi muito carboidrato e acabei ganhando massa, por isso meu bumbum foi de 101 para 106 centímetros, o que eu acho ótimo”, conta. Devido a essa mudança na silhueta, Andressa tem apostado mais nos exercícios aeróbicos, que queimam as gordurinhas.

Mas a forma do bumbum não é o suficiente para que ele seja perfeito. Estrias, celulite e manchinhas são tratadas com procedimentos estéticos, e o bronzeado com marquinhas de biquini é um item indispensável. A maior parte das candidatas frequenta salões de bronzeamento artificial e, ainda, usa base e bronzer no corpo todo para uniformizar e dar brilho à pele. Anotou as dicas?

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.