Após engordar sete quilos em reality show, Monique se recupera de quatro cirurgias

Monique Amin, 23 anos, ainda se recupera das cirurgias plásticas que fez no início do mês, em Porto Alegre. Assim que deixou o Big Brother Brasil, da Rede Globo, a estudante de administração resolveu passar por uma "recauchutagem" geral – incluindo retoques nos seios, barriga, bumbum e nariz. Foram dois meses e meio de confinamento e sete quilos a mais na balança. “Uma catástrofe”, ela define.

Após cirurgias plásticas, Monique está confiante para o próximo verão
Divulgação
Após cirurgias plásticas, Monique está confiante para o próximo verão
Lipoaspiração na região abdominal, mamoplastia, bioplastia no bumbum e uma levantadinha na ponta do nariz foram os procedimentos eleitos. Uma das substâncias utilizadas pela técnica de bioplastia, inclusive, é questionada pela maioria dos médicos, por ser possivelmente nociva à saúde . “Tive medo de fazer tudo junto, mas superei pensando em ficar bonita. Apesar disso, ainda gosto mais das minhas pernas”.

Dentro do confinamento, a ex-BBB manifestou o incômodo com o próprio corpo diversas vezes. “Sou a figurante do bagulho? Sou a gorda? Os caras têm preconceito comigo?”, reclamou sobre as roupas de festa enviadas pela produção. “A calça jeans subiu, fechou, mas se eu levantar ela estoura”, disse pouco antes de chorar por ter engordado. “Era muita ansiedade, e eu descontava tudo na comida. Comia até macarrão instantâneo cru”, conta.

O efeito sanfona não é uma novidade na vida de Monique. A insatisfação com o corpo começou ainda na adolescência, aos 15 anos, quando chegou a pesar 95 quilos. “Eu não frequentava as festas das amigas, não cabia nas roupas e não queria mais ir para a escola, me chamavam de gorda mesmo”, desabafa.

Em entrevista ao iG Gente , Monique confessou: "Já fiquei dias sem comer, tomando só água. Fiquei horas na esteira ou ia três vezes por dia na academia. Já tomei remédio, sibutramina. Sempre fui meio neurótica com o meu peso. Eu sou assim”. Mas foi uma dieta nutricional guiada que a ajudou a conquistar o peso mais próximo do desejado. Depois disso, o primeiro retoque no consultório: lipoaspiração para retirar as últimas gordurinhas da cintura. “Também coloquei 300 ml de silicone nos seios” – essa seria a primeira “reforma geral”, ainda na adolescência.

“O que mais me incomodava era meu abdômen”
Reprodução/ Twitter
“O que mais me incomodava era meu abdômen”
A ex-BBB, que ao longo do programa foi comparada à atriz Juliana Paes, não vê tanta semelhança assim com a musa. “Ela é linda, tem uma beleza natural, um corpo feminino, cintura pequena. Eu só quero ser eu mesma”.

Ainda faltam algumas etapas de recuperação e sessões de tratamentos estéticos para a sister comemorar os resultados e estrear o novo corpo em biquínis e vestidinhos justos. “Agora não tenho mais nada para mudar. Nunca quis chegar à perfeição, mas me sinto mais sexy hoje e estou me gostando muito mais de mim”.

Leia também:
“A época dos seios grandes está acabando”, diz Robert Rey
Supertratamentos prometem eliminar a gordura localizada
Antes e Depois: seios maiores sem cirurgia com o iG Siliconator
Vencedoras do Miss Bumbum dão dicas para curvas perfeitas


>>> Assine a
Newsletter , curta nossa página no Facebook e siga o @igbeleza no Twitter <<<

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.