Segredinhos dos salões de beleza revelados

O esmalte não faz bolinha, a escova dura mais, a hidratação penetra no fio – e em casa dá tudo errado!

Yuri Ikeda, especial para o iG São Paulo |

Getty Images
Técnica e produtos de qualidade garantem resultados diferenciados nos salões de beleza
É incrível o perfume que fica no cabelo após uma lavagem seguida de escova no salão de beleza. O balanço, então, parece coisa de comercial de televisão. Em casa, porém, nem perdendo um tempão conseguimos um resultado parecido. Qual será o segredo dos cabeleireiros? Para responder todas as nossas dúvidas, consultamos seis top salões de beleza do Rio de Janeiro e São Paulo. Os truques estão todos aí; aproveite!

Leia também: 
As delícias dos megassalões de luxo
Salão de beleza é coisa para macho!
Maratona "Antes e Depois" traz transformações

Cabelo ultralimpo e cheiroso
O cabeleireiro Guilherme Guedes, da Ophicina do Cabelo, ensina como fazer. "Temos três regras básicas para a higienização dos fios: a escolha do xampu e do condicionador deve ser adequada ao tipo de cabelo; a água muito quente deve ser evitada, pois provoca oleosidade; e os movimentos devem ser circulares e leves, sem utilizar as unhas, mas sim as pontas dos dedos”. Aplique xampu de duas as três vezes, concentre-se na limpeza do couro cabeludo e, depois, dos fios. Rodrigo Ferreira, do Studio W Higienópolis, complementa afirmando que o uso de leave-in é fundamental. E mais: para manter os fios cheirosos, nada de tentar dar o truque e aplicar perfume no cabelo, “isso é lenda urbana”, diz Patrick Rodrigues, do C. Kamura.

Amana Salles/ Fotoarena
Potência do secador colabora para o bom resultado da escova
A escova que dura mais

São horas e horas em busca da escova perfeita. É na prática que os profissionais aperfeiçoam a técnica aprendida em sala de aula. Além disso, outros fatores contribuem para um bom resultado. “A voltagem elétrica dos salões é, geralmente, 220V. Isso faz com que os secadores sejam mais potentes”, explica Vinicius Silveira, do salão Marcos Proença. Já Caroline Dal Pizzol, do Crystal Hair, aponta a seleção dos produtos certos. “Usamos finalizadores adequados, como leave-in, sprays e pomadas”, conta. Em casa também é possível otimizar o resultado seguindo algumas regrinhas. Clique aqui para ver o passo a passo da uma escova perfeita!

A hidratação funciona mesmo
Isso porque o cabelo é, geralmente, limpo com um xampu de limpeza profunda antes de receber os creminhos mágicos. Além disso, a aplicação é feita da maneira correta, com movimentos que parecem envolver e fechar as cutículas do cabelo, de cima para baixo. Apostar em produtos vendidos nos salões pode ser mais caro, mas o resultado tende a compensar o investimento, já que eles são muito potentes. Algumas linhas, porém, são desenvolvidas apenas para profissionais, vale perguntar ao cabeleireiro qual está disponível para compra.

Para fazer em casa, quem dá a fórmula de uma hidratação eficiente é Lucas Ramos, do salão Éclat. "Depois de lavar o cabelo com xampu antiresíduos, retire o excesso de água com uma toalha. Aplique nos cabelos a mistura de meio abacate com uma colher de chá de óleo de argan ", ensina. Envolva pequenas mechas com as mãos e vá deslizando, do comprimento até as pontas -- aproveite para desembaraçar. “Após aplicar o creme, envolva o cabelo em papel filme e, em seguida, em uma toalha morna. Aguarde 10 minutos antes de enxaguar”, completa.

O finalizador não pesa
Os profissionais são unânimes: a quantidade usada é a chave para o segredo do finalizador. “Você deve usar uma quantidade pequena, nada de emplastar o cabelo”, avisa Vinicius. Como referência, Patrick Rodrigues ensina: “quem tem o cabelo médio, na altura dos ombros, e os fios grossos, deve colocar o equivalente ao tamanho de uma moeda de um real nas mãos, espalhar bem e só então aplicar no cabelo”, diz. Rodrigo Ferreira lembra que o finalizador nunca deve entrar em contato com a raiz do cabelo, sendo especificamente utilizado no comprimento e nas pontas. Escolha produtos leves e com proteção solar.

Tricia Vieira/Fotoarena
Capricho para a tinta não manchar
A coloração não mancha a testa

As tinturas utilizadas nos salões são desenvolvidas especialmente para profissionais e com formulação diferente daquelas que encontramos nas perfumarias. Muitas delas, sem amônia, mancham menos, mas tem também o fator capricho, de limpar os excessos que ficam na pele. Guilherme Guedes indica usar protetores: “utilize espuma de barbear para proteger a testa, antes de passar a coloração”, ensina. Um creme consistente e mais pastoso também pode servir como uma barreira física, que impede a penetração da tintura na pele – e não se esqueça de proteger as orelhas e usar luvas para não manchar as mãos.

O esmalte fica perfeito e não faz bolinha
Além de técnica e experiência, as manicures possuem alguns truques. “Costumo passar três camadas de esmalte, bem fininhas”, relata Roseli Santos, do Marcos Proença. Já Valéria dos Santos, do Crystal Hair, tem uma dica de ouro: “nunca exponha as mãos ao vento”. Por isso, mantenha ventiladores e secadores bem longe na hora de pintar as unhas. Anita Rocha, do Studio W Higienópolis, e Claudinéia Vilas Boas, do C. Kamura, complementam dizendo que é importante que o esmalte seja novo. Além disso, a mão da cliente não pode estar quente, pois essa condição propicia o aparecimento de bolinhas.

Leia mais no Delas:
Maquiagem metalizada para os olhos
Copie as tendências do inverno
Veja como você ficaria com o cabelo da Angélica
___________________________________________________________________________

SERVIÇO:

Ophicina do Cabelo
Leblon – Rio de Janeiro
www.ophicinadocabelo.com.br

Studio W
Higienópolis – São Paulo
www.studiow.com.br

C. Kamura
Jardim Paulista – São Paulo
www.ckamura.com.br

Marcos Proença
Jardim Paulista – São Paulo
www.marcosproenca.com.br

Crystal Hair
Ipanema – Rio de Janeiro
www.crystalhair.com.br

Eclat
Ipanema – Rio de Janeiro
www.eclat.com.br

    Leia tudo sobre: cabeloesmalteunhasescovasalão de beleza

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG