A estudante Elisa não teve medo de cortar o cabelo radicalmente: abandonou os fios de comprimento médio e agora ostenta um moderno e sexy 'joãozinho'

Elisa Campos queria mudar. Inspirada pela atriz Carey Mulligan, a estudante de arquitetura decidiu cortar o cabelo, de comprimento médio, no melhor estilo “joãozinho”. A referência não veio à toa, já que Elisa é fã do livro O Grande Gatsby, de F. Scott Fitzgerald, cuja adaptação para os cinemas, neste ano, teve como protagonista a atriz americana.


Para a transformação, o cabeleireiro Evandro Ângelo, do salão C.Kamura, foi a escolha ideal. Ele e Elisa conversaram sobre as possibilidades do corte e o adaptaram à personalidade e aos traços dela. “As referências são benvindas, mas sempre há uma adaptação do corte para cada cliente”, ele explica. 

O resultado da conversa foi um corte com franja média, pedido de Elisa, e com pontinhas emoldurando as orelhas, como costeletas. Para construir o novo cabelo, Evandro usou navalha, máquina e tesouras - fio de navalha e dentada - para desfiar bem os fios e criar camadas. Essa tática ajuda a afinar o rosto arredondado de Elisa.


Segundo Evandro, nossa leitora tem um biotipo ideal para cabelos curtíssimos, pois possui traços marcantes, mas delicados. Sua constituição mignon, com “jeito de bonequinha”, favorece o estilo. As moças magras também são ótimas candidatas ao corte, já as mais curvilíneas podem se beneficiar de um curto mais volumoso e exuberante, “que combina com as curvas”.

Apesar de curtinho, o novo cabelo de Elisa é muito versátil, permitindo que a futura arquiteta construa e desconstrua o visual como quiser. Para inspirá-la, Evandro sugeriu três variações de penteado. Com pomada, gel, secador e maquiagem, Elisa foi do visual andrógino ao refinado, passando pelo moderno rebelde.

Apesar de curtinho, o corte é versátil, e pode ser estilizado de várias formas
Edu Cesar
Apesar de curtinho, o corte é versátil, e pode ser estilizado de várias formas

Para o visual andrógino, os cabelos foram modelados com pomada. Evandro ensina a aplicar o produto em etapas: “Primeiro, espalhe a pomada nas palmas das duas mãos, por inteiro. Depois, jogue todo o cabelo para frente, transferido o produto. Em seguida, jogue os fios para trás e faça movimentos circulares com as palmas. Para finalizar, abaixe e levante as pontas que desejar, de um jeito bagunçadinho”.

Evandro ainda destaca que o cabelo lavado só com xampu - e sem condicionador - é mais fácil de modelar. Já a maquiagem, também criação de Evandro, é supersimples: BB Cream, blush suave, hidratante labial e sobrancelhas marcadas com lápis.

O look rebelde segue a mesma técnica de pentear com pomada, mas os cabelos são mais espetados e volumosos. Para a make, olhos pretos e roxos, borradinhos, batom nude e blush mais marcado. “Tudo a ver com a década de 1980”, comenta Evandro.

Para finalizar, uma produção mais refinada, “estilo editorial de moda, meio anos 60, meio anos 20”, definiu Elisa. Os cabelos são penteados com risca lateral bem definida e completamente cobertos com gel de efeito molhado. O visual “lambido” é um dos favoritos da atriz Rooney Mara no red carpet. A maquiagem é clássica: delineador gatinho nos olhos, blush rosado e um batom vibrante, muito feminino.

O visual preferido de Elisa foi uma mistura de mais de um look. “Adorei o cabelo andrógino e o olho do visual sofisticado”, ela conta, indicando que o novo cabelo trará muitas combinações na hora de se produzir.

Evandro ainda ensinou alguns truques para domar os fios em momentos em que a rebeldia não é benvinda. “Use o secador numa temperatura alta, com o bico achatado, e vá ‘penteando’ os fios na direção desejada”, ele explica. Assim, o novo corte joãozinho fica comportado, perfeito para o dia a dia.

Agradecimentos

Evandro Ângelo (cabelo e maquiagem)
Salão C.Kamura São Paulo (11) 3061 - 5500