Sassoon ficou famoso por seus cortes geométricos e produtos cosméticos

EFE

Vidal Sassoon, em 2010, arrumando o penteado geométrico de uma sósia da poderosa editora de moda Anna Wintour
Getty Images
Vidal Sassoon, em 2010, arrumando o penteado geométrico de uma sósia da poderosa editora de moda Anna Wintour
O cabeleireiro e ícone da moda britânico Vidal Sassoon morreu nesta quarta-feira em sua residência de Mulholland Drive, em Los Angeles, aos 84 anos, informou o jornal "Los Angeles Times".

As autoridades locais afirmaram que Sassoon faleceu por complicações de uma doença não especificada e que passou os últimos dias na companhia de seus parentes mais próximos.

Sassoon obteve grande fama há mais de meio século com seus cortes geométricos e seus produtos cosméticos, com os quais lançou uma popular marca avaliada em milhões de dólares.

O cabeleireiro foi protagonista de um documentário em 2010, dirigido por Craig Teper. Esse filme mostrou a trajetória de Sassoon desde sua humilde infância em um orfanato judeu de Londres até o início de sua carreira como cabeleireiro.

Sassoon, que se casou quatro vezes, conheceu há 10 anos sua última esposa, Robbie. Com sua segunda mulher, a atriz Beverly Adams, teve quatro filhos.

Em junho de 2011, o jornal britânico "Daily Mail" informou que Sassoon havia sido diagnosticado com leucemia.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.