Cientistas dizem que método “natural” de concepção vai ser substituído pela fertilização in vitro em dez anos

Cientistas dizem que método “natural” de concepção vai ser substituído pela fertilização in vitro em dez anos
Getty Images
Cientistas dizem que método “natural” de concepção vai ser substituído pela fertilização in vitro em dez anos
Na linha do tempo dos relacionamentos o sexo passou de tabu para uma atividade de lazer. Agora cientistas australianos dizem que as transas devem perder até a relevância reprodutiva nos próximos dez anos - uma teoria, no mínimo, polêmica.

O posicionamento, apresentado no jornal Reproductive BioMedicine, aponta que casais que desejam ter filhos vão deixar de fazer sexo para engravidar e confiar mais na fertilização in vitro desde a primeira tentativa. Um dos autores, o veterinário John Yovich, disse ao jornal britânico Daily Mail, que o sexo, em breve, será puramente "recreativo".

Essa mudança de estratégica é justificada pelo aumento da eficácia da fertilização ao longo do tempo e idade mais avançada dos casais, que esperam mais tempo para engravidar.

Já para parte dos especialistas brasileiros, a reprodução assistida é a última opção e pode apresentar riscos. A confiança cega na fertilização in vitro também pode ser vista como fria e objetiva demais para o casal. “Acho um absurdo, é obrigatório que a espécie humana se reproduza por via sexual”, defende o ginecologista Eliano Arnaldo Pelinni. Ele diz que a técnica deve ser focada em casais com reais dificuldades reprodutivas e que as chances de engravidar são semelhantes à de um casal sadio.

O ginecologista também explica que tentar engravidar altera a vida sexual de qualquer casal, mas pode vir a causar problemas, tanto pelas vias normais como de forma assistida. “Alguns transformam tudo em interesse reprodutivo e não voltam para a atividade normal”, relata.

Pelinni aponta que os casais farão mais sexo por prazer no futuro, independente do desejo de engravidar. “Sexo é da espécie e vai se sofisticar. Mas quem decidir engravidar vai ter uma bela experiência transformando isso em situação reprodutiva”, diz. “Ainda existe uma magia que nunca será substituída”.

    Leia tudo sobre: gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.