O curso “light” pode ser primeiro passo para apimentar a relação

Aquele era o primeiro curso erótico do qual as cinco alunas estavam participando. A aula de massagem sensual reúne mulheres que buscam melhorar a vida sexual com o parceiro, mas que não têm coragem (ainda) de propor práticas mais picantes, como strip tease e dança no colo .

Todas casadas ou em relacionamentos estáveis, elas passam inicialmente por uma experiência sensorial, com a ajuda da professora Flavia Flohr. Vendadas, as alunas são estimuladas com plumas no rosto e braços, sentem aromas no ambiente e testam gel e óleo de massagem nas mãos. Além de quebrar o gelo, a brincadeira com o olfato e tato ressalta a importância de criar um clima estimulante para a massagem. Afinal, a ideia é “acender” o parceiro, e não fazê-lo dormir.

A massagem se diferencia de outras práticas eróticas por ser muito afetiva e um pouco mais fácil de ser inserida na rotina do casal
Getty Images
A massagem se diferencia de outras práticas eróticas por ser muito afetiva e um pouco mais fácil de ser inserida na rotina do casal
“Estou casada há dois anos e o sexo se tornou morno. Quero esquentar a relação”, relata uma das participantes. . “Mas os cursos não são remendos para relacionamentos. É algo para fazerem quando estiverem bem”, ressalta a professora.

Mão na massa
Já sem os sapatos, as mulheres praticam umas nas outras os toques mais básicos da massagem, com foco nos pés e pernas. Mas quando o clima esquenta e os movimentos ficam mais sensuais, é hora de só observar a demonstração de Flávia: a prática usa os seios e partes do corpo para estimular o parceiro.

Uma prótese peniana de borracha será a cobaia de movimentos com as mãos que prometem levar um homem à loucura. E as alunas revezam o acessório, sentadas em roda com lubrificante nas mãos. Como estímulo por meio do toque, as técnicas apresentadas no curso trazem outros benefícios além do prazer, já que estimulam a cumplicidade, intimidade e união do casal. “É uma experiência sensorial que marca”, diz Flávia.

O curso começa com um teste dos sentidos e Flavia usa plumas e óleos nas alunas
Tricia Vieira / Fotoarena
O curso começa com um teste dos sentidos e Flavia usa plumas e óleos nas alunas
Dicas para fazer em casa:
- Desligue celulares, tire os filhos de casa e deixe cachorros e gatos para fora do quarto. Nada deve atrapalhar o momento!

- Com as mãos em forma de “C” massageie as pernas do parceiro deitado

- Alguns óleos de massagem têm sabor e podem ser ingeridos, o que deixa a experiência ainda mais sensual

- Usar o corpo é um dos segredos da massagem. Deite sobre o parceiro e toque suas costas e peito com os seios.


Leia também: Aprenda a fazer uma massagem relaxante

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.