Tamanho do texto

De acordo com um estudo recente, isso pode ser explicado pelo fato de que o ato de tomar a iniciativa indica um desejo maior pelo parceiro, diminuindo as chances de ela ter uma experiência desagradável durante o sexo; entenda

É verdade que alguns estudos já relacionaram o hábito de fazer sexo casual com uma autoestima mais alta e níveis mais baixos de ansiedade e estresse , isso não quer dizer que sempre teremos experiências boas quando topamos um encontro casual com alguém. Seja entre desconhecidos ou entre pessoas que já possuem alguma relação, é natural, por exemplo, que elas descubram não ter uma química sexual tão boa quanto imaginavam.

De acordo com um estudo, mulheres se arrependem menos de experiências de sexo casual quando tomam a iniciativa
Shutterstock
De acordo com um estudo, mulheres se arrependem menos de experiências de sexo casual quando tomam a iniciativa

Há muitos motivos que podem levar homens e mulheres a se arrependerem de experiências de sexo casual , mas, de acordo com um levantamento publicado recentemente no periódico “Pesonality and Individual Differences” e realizado por estudiosos da Universidade de Ciência e Tecnologia da Noruega e da Universidade do Texas, os fatores que trazem o arrependimento são diferentes para homens e mulheres.

Leia também: Seis coisas sobre encontros casuais que você deve saber antes de testar

Detalhes do estudo

Para realizar o levantamento, os pesquisadores consultaram 763 adultos (547 noruegueses e 216 norte-americanos), que responderam pesquisas a respeito da última experiência casual que tiveram com relação a sexo . De acordo com os resultados, o nível de satisfação com o último encontro casual é maior entre os homens, enquanto o número de mulheres que se arrependeram do ato é substancialmente maior que o número de homens  (41% das norueguesas e 50% das norte-americanas versus 26% dos noruegueses e 35% dos norte-americanos).

O arrependimento foi medido levando em consideração cinco fatores primordiais e, entre eles, os mais relacionados ao arrependimento – tanto para mulheres quanto para homens – foram satisfação (o quão prazeroso foi o sexo), repulsa ao parceiro ou parceira e preocupações relacionadas às consequências do ato (tanto morais quanto físicas). De acordo com os dados, as mulheres reportam mais situações em que esses fatores estão envolvidos e, por isso, tendem a se arrepender.

Leia também: 90% das pessoas já fizeram alguma atividade ligada a sexo no trabalho

Há, porém, uma grande diferença entre homens e mulheres: enquanto o fato de terem ou não tomado a iniciativa de se envolver na experiência de sexo casual não afeta os homens de forma alguma, as mulheres se arrependem bem menos quando são elas as responsáveis por dar o primeiro passo na relação. Segundo os pesquisadores, uma possível teoria para explicar isso é a de que tomar a iniciativa de se envolver com o sexo casual significa um maior desejo pela outra pessoa, diminuindo as chances de outros fatores – como repulsa, por exemplo – aparecerem.